TECNOLOGIA

Xiaomi descontinua 11 modelos de celular no Brasil; veja a lista

Publicados

em


source

Olhar Digital

Xiaomi
Divulgação/Xiaomi

Loja da Xiaomi no Shopping Ibirapuera

A Xiaomi está enxugando a oferta de smartphones no mercado brasileiro. A fabricante chinesa vem retirando alguns modelos de sua linha de vendas – e não se trata de uma troca de mostruário. Se, antes, a Xiaomi contava com 23 aparelhos distintos , o varejo nacional a partir desta terça-feira (20) passará a contar com “apenas” 12.

Não há um prazo definitivo para que a descontinuidade seja efetivada, já que a Xiaomi informou que a medida vem sendo implementada aos poucos. Alguns modelos, porém, já constam como esgotados nas lojas online oficiais – isso, quando são listados na busca.

Os modelos a serem retirados do mercado são:

  • Mi 9 SE
  • Mi 9T
  • Mi 8 Lite
  • Mi A3
  • Pocophone F1
  • Redmi 7
  • Redmi 7A
  • Redmi Go
  • Redmi Note 6 Pro
  • Redmi Note 7
  • Redmi Note 8
Leia Também:  Super Boulos: em game, candidato precisa 'virar o jogo' em SP

Paralelo a isso, a Xiaomi , por meio de sua distribuidora DL Eletrônicos , também confirmou os modelos que ficarão disponíveis:

  • Poco X3 NFC
  • Mi Note 10
  • Mi 9
  • Redmi 8A
  • Redmi 8
  • Redmi Note 8 Pro
  • Redmi 9A
  • Redmi 9C
  • Redmi 9
  • Redmi Note 9
  • Redmi Note 9S
  • Redmi Note 9 Pro

Do velho ao novo

A Xiaomi informou que a descontinuidade é um processo natural, e deve abrir espaço para a entrada de novos produtos, com tecnologia mais avançada. Atualmente, a fabricante chinesa conta com suas operações de venda online, além de cerca de 5 mil pontos de venda por todo o Brasil e duas lojas de grande porte oficiais – estas, nos shoppings Center Norte e Ibirapuera, em São Paulo.

Vale citar que alguns dos pontos de venda também trabalham com modelos importados – ou seja, os aparelhos que deixam o Brasil ainda poderão ser adquiridos por este método. Porém, tais smartphones não contarão com suporte oficial e assistência técnica assegurada por garantia, além de ter uma flutuação de preço maior considerando a variação do dólar frente ao real.

Leia Também:  Como fazer upgrade de jogos do PS4 para PS5

Desde fevereiro, a Xiaomi vem flertando com a ideia de instalar uma operação de fábrica no Brasil – o que deve, em tese, baratear o preço dos produtos nas lojas. Entretanto, esse plano ainda não foi concretizado.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

TECNOLOGIA

iPhone 12 Pro Max quebra recordes e é eleito celular com a melhor tela do mundo

Publicados

em


source
iPhone 12 Pro Max
Divulgação/Apple

iPhone 12 Pro Max lidera melhores telas do mundo

O iPhone 12 Pro Max ganhou o título de celular com a melhor tela do mundo pelo site especializado DisplayMate. O smartphone tirou nota A+ e quebrou 11 recordes dentre as categorias analisadas.

O DisplayMate realiza, todos os anos desde 2010, testes em laboratório, analisando diversos aspectos das telas dos smartphones . Neste ano, o iPhone 12 Pro Max liderou a categoria Shoot-Out, que engloba apenas smartphones de alto desempenho, os chamados topo de linha.

Os antecessores do líder já vinha batendo recordes nessa categoria: em 2018, o iPhone XS Max registrou oito recordes, enquanto o iPhone 11 quebrou nove em 2019. Agora, é a vez do iPhone 12 Pro Max totalizar 11 recordes quebrados.

Leia Também:  Super Boulos: em game, candidato precisa 'virar o jogo' em SP

Alguns dos destaques que fizeram o celular da Apple ser campeão foram a precisão da cor, o contraste da imagem e a escala de intensidade e o melhor brilho de tela inteira para smartphones OLED. Além disso, os testes mostraram que a tela do iPhone 12 Pro Max é 10% mais eficiente em consumo de energia do que a do iPhone 11 Pro Max.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA