TECNOLOGIA

Elon Musk zomba de voo de Jeff Bezos ao espaço; veja os memes

Publicados

em


source
Elon Musk brinca com Jeff Bezos
Elon Musk

Elon Musk brinca com Jeff Bezos

Está programado para daqui a pouco, às 10h da manhã desta quarta-feira (20), pelo horário de Brasília, o lançamento da nave New Shepard, da Blue Origin , que vai levar o CEO da companhia, Jeff Bezos , a voar a uma altitude de 100 km acima da superfície terrestre – atingindo a borda do espaço internacionalmente acordada, a Linha de Kármán, usada para definir o limite entre a atmosfera da Terra e o espaço exterior.

Mas, nem todo mundo concorda que o destino definido é realmente considerado espaço . O CEO da SpaceX (e famoso tagarela) Elon Musk , por exemplo, não acredita nisso – uma rixa de longa data, que não deve acabar tão cedo.

Musk passou o fim de semana saboreando memes que zombaram do plano de voo de Bezos. Uma piada em particular provocou uma reação de Musk: um meme com tema “Guerra nas Estrelas” de quatro painéis com Musk e Bezos conversando sobre este “indo para o espaço”. No Twitter, o debochado bilionário respondeu com uma gargalhada.

Leia Também:  Apple estaria "vazando" informações falsas para combater fontes de rumores

A ironia de Musk tem uma justificativa. Embora a Blue Origin possa realmente levar Bezos para o grande passeio de sua vida até a Linha de Kármán, a fronteira entre a atmosfera e o espaço da Terra, esse ponto está muito longe de altitudes onde orbitar o planeta se torna viável dentro de uma espaçonave.

Em termos simples: o New Shepard está embarcando em uma missão suborbital, não orbital. Isso o diferencia da SpaceX , que agora envia regularmente astronautas e cargas até a Estação Espacial Internacional (ISS).

Você viu?

Elon Musk tem longo histórico de deboche com Bezos 

Em 2019, Elon Musk zombou da proposta de sonda Blue Moon, da Blue Origin, chamando-a de “Blue Balls” em um Photoshop bruto. “Oh, pare de provocar, Jeff”, Musk escreveu na legenda na época.

Neste ano, as tiradas continuam fortes. Em abril, Musk zombou de Bezos por não ser capaz de “colocá-lo em órbita”. Na época, a Nasa havia escolhido a SpaceX, e somente ela, para um contrato altamente cobiçado para construir uma sonda lunar capaz de pousar os primeiros astronautas na Lua desde as missões Apollo.

Leia Também:  Alexa mais barata: Amazon dá desconto no Echo Dot

Tanto a Blue Origin quanto a concorrente Dynetics protestaram contra a decisão e o contrato foi suspenso.

Obviamente, a SpaceX tem uma grande vantagem na competição. A indústria do turismo espacial está apenas no aquecimento, com várias empresas oferecendo seus – embora extremamente caros – serviços para levar os ultra-ricos até os limites do espaço.

Se a zombaria e as piadas são corretas, certamente é digno de debate. Mas, pelo menos por enquanto, Musk aproveita o direito de ridicularizar seus concorrentes – ou “discípulos”.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

TECNOLOGIA

Como transformar uma TV normal em Smart? Confira 4 opções com preço atrativo

Publicados

em


source
Veja como transformar uma TV em Smart
Unsplash/ Jens Kreuter

Veja como transformar uma TV em Smart

Com a ascensão das plataformas de streaming, todos querem ter uma Smart TV para aproveitar os filmes e séries na telona. Trocar de televisor, porém, pode ser bastante caro, além do fato de que dispensar um eletrônico em funcionamento não é bom para o meio ambiente .

Para a sorte de quem quer gastar menos, existem ótimas opções de dispositivos que transformam uma televisão normal em uma Smart TV. Os recursos são bastante completos e não ficam atrás daqueles presentes nas TVs mais modernas. Por isso, se sua televisão normal ainda está “inteirona”, confira 4 opções para atualizá-la com menos de R$ 400.

1. Chromecast

Chromecast
Divulgação

Chromecast

A primeira opção é o Chromecast, do Google. O aparelho é pequeno e se encaixa na entrada HDMI da televisão. Ele não tem controle nem interface própria e, por isso, precisa ser comandado pelo celular ou pelo computador.

Quando o Chromecast e o smartphone estão conectados na mesma rede Wi-Fi, é possível transmitir conteúdos da telinha para a telona. Por exemplo, dá para entrar no aplicativo da Netflix no celular (que pode ser Android ou iOS) e clicar em um botão para que o conteúdo seja exibido na televisão.

Leia Também:  Jogos de graça! Amazon libera 28 games sem pagar nada; veja quais

Todos os controles, como pausar, mexer no volume e voltar alguns segundos do vídeo, são feitos pelo smartphone. O Chromecast 3, que exibe imagens em Full HD, está disponível no Brasil por cerca de R$ 230.

Você viu?

2. Roku Express

Roku Express
Divulgação

Roku Express

O aparelho da Roku é mais completo que o Chromecast, já que vem com controle e tem sistema operacional próprio. Ele também é pequeno e pode ser conectado à entrada HDMI da televisão.

Uma vez conectado, é possível baixar os aplicativos das plataformas de streaming e realizar todas as ações pelo controle – menos alterar o volume, que precisa ser ajustado na própria TV. O Roku Express também transmite imagens em Full HD e tem um aplicativo para smartphones que traz controles extras, como a possibilidade de ouvir o conteúdo da televisão em um fone de ouvido no celular. O dispositivo é vendido no Brasil por cerca de R$ 230.

3. Mi TV Stick

Mi TV Stick
Divulgação

Mi TV Stick

O Mi TV Stick, da Xiaomi, é um dispositivo que possui o sistema operacional Android TV. Assim como a opção da Roku, ele vem com controle remoto, e o aparelho que fica acoplado à TV tem o formato parecido com o de um pen-drive, que pode ser conectado à entrada HDMI.

Também com resolução Full HD, ele permite o download de aplicativos e o comando de ações pelo controle remoto. Assim como no Chromecast, também é possível enviar parear um celular e enviar conteúdos dele para a televisão. No Brasil, o Mi TV Stick sai por cerca de R$ 400.

4. Fire TV Stick

Fire TV Stick
Divulgação

Fire TV Stick

O Fire TV Stick, da Amazon, funciona de forma bastante similar ao Mi TV Stick e ao Roku Express, transformando a TV em Smart com controle remoto próprio. O grande diferencial é que o dispositivo tem suporte à Alexa, a assistente de voz da marca.

Isso significa que é possível controlar o conteúdo que passa na televisão através de comandos de voz, o que torna a experiência mais tecnológica do que a oferecida por muitas Smart TVs, mas por um preço bem mais atrativo. No Brasil, o produto é vendido por cerca de R$ 380.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA