SAÚDE

Rússia: vacinação em massa contra Covid-19 começa em outubro

Publicados

em


source
vacina
Serviço de Imprensa/Ministério da Defesa da Rússia

Ministro da Saúde afirmou que em outubro deve começar a imunização em massa

O Ministro da Saúde da Rússia declarou que testes de vacina contra o coronavírus (Sars-Cov-2) foram completados e que o país deverá dar início à vacinação em massa no mês de outubro.  Mikhail Murashko fez as declarações em entrevista ao site Sputnik. 

“Estamos nos preparando para que em outubro comece a vacinação em massa contra o coronavírus”, disse o ministro.

“A vacina contra a infecção pelo coronavírus, desenvolvida pelo instituto Gamalei, completou suas pesquisas clínicas”, afirmou Murashko. Segundo o governo russo, atualmente estão sendo colhidos os documentos necessários para o registro oficial da vacina do Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamalei, que precederá seu uso.

Leia Também:  Brasil chega a 95 mil mortes e 2,8 milhões de casos de Covid-19

No plano, médicos e professores deverão ser os primeiros a ser vacinados. Mas ainda são esperadas pelo menos duas declarações oficiais sobre os testes clínicos de outras vacinas desenvolvidas na Rússia nos próximos 45 dias.

No último dia 29, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, havia dito que a situação do coronavírus na Rússia havia se estabilizado mas que em algumas regiões a situação ainda é complicada.

Nos meses de junho e julho o número de infectados caiu pela metade na Rússia, em comparação com os números recordes em maio, mas a situação ainda pode se agravar.

Fonte: IG SAÚDE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

SAÚDE

Brasil chega a 99.743 mortes pela Covid-19, diz consórcio de veículos

Publicados

em


source
Coveiro em cemitério de Manaus
Alex Pazuello/Prefeitura de Manaus

Mortes causadas pela doença chegaram a 100 mil

O Brasil se aproxima, neste sábado (8), da triste marca de 100 mil vítimas fatais da Covid-19. De acordo com levantamento feito pelo consórcio de veículos de imprensa, que reúne informações das secretarias estaduais de saúde, o país registra até as 8h desta manhã 99.743 óbitos. 

No último boletim divulgado pelo Ministério da Saúde , na noite de sexta-feira (7), o país contabilizava cerca de 99,5 mil mortes causadas pela doença. Até as 8h de hoje, porém, os estados Roraima, Bahia e Goiás atualizaram suas estatísticas.

O número total de casos da doença foi atualizado para 2.967.634. As estatísticas da pandemia no Brasil são divulgadas três vezes ao dia pelo consórcio. Os próximos dados serão divulgados às 13h deste sábado. A iniciativa dos veículos da mídia foi criada a partir de inconsistências nos dados apresentados pelo Ministério da Saúde.

Leia Também:  Covid-19: Argentina chega a 200 mil casos e Venezuela retoma quarentena rígida
Fonte: IG SAÚDE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLÍCIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA