Doze opções disponíveis

População poderá escolher nova logomarca da UFR através da internet

Publicados

em

Foto: Reprodução/Google

A população poderá participar da escolha da logomarca da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR), que foi emancipada recentemente da sua antiga matriz, a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). As pessoas interessadas poderão escolher entre as 12 opções disponíveis e a votação será feita pela internet.

De acordo com a professora Valéria Filgueiras Dapper, representante da comissão que instituiu o concurso para a escolha da logomarca, o mesmo está dividido em duas fases, sendo a primeira delas a votação online, que escolherá três propostas de logomarca, e a segunda será a avaliação e escolha do Conselho Universitário (CONSUNI) da UFR, que por fim escolherá a logomarca que será estampada nos documentos impressos e demais materiais relacionados à instituição de ensino superior. “O nosso objetivo com isso é abrir as decisões da universidade para a comunidade, para toda Rondonópolis, pela própria identidade da universidade, que é de Rondonópolis. Então, a participação da comunidade é muito importante, pois a própria criação da UFR teve uma participação muito importante dessa comunidade”, explicou.

Leia Também:  Sanear comunica que vai faltar água em alguns bairros da cidade

As pessoas interessadas em votar numa das opções de logomarca deverão acessar o site da instituição pelo endereço eletrônico (www.ufr.edu.br) e procurar por “Concurso identidade visual UFR” e votar numa das 12 opções apresentadas. Essa fase da votação vai até o próximo dia 30 de setembro e o resultado da votação na internet, que escolherá três logomarcas, será anunciado no dia 1º de outubro. A reunião do Consuni que escolherá a vencedora será no dia 7 de outubro e será transmitida ao vivo no canal do Youtube da UFR.

Fonte: AGORA MT 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

RONDONÓPOLIS

Prefeito visita o sanear no dia do aniversário de Terezinha

Publicados

em


O prefeito José Carlos do Pátio visitou a sede do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis Terezinha Silva de Souza (Sanear) na manhã desta quinta-feira (8). Em conversa com os colaboradores da autarquia, ele lembrou da luta que Terezinha travava diariamente em defesa do serviço público de qualidade e do trabalhador. A visita foi marcada pela data em que a presidente faria 55 anos.

Terezinha Silva de Souza foi assassinada no dia 15 de janeiro deste ano no centro de Rondonópolis e o caso segue sem resposta por parte das autoridades até o momento. Na última visita que o chefe do executivo fez à autarquia no dia 15 de fevereiro, ele cobrou, assim como na visita desta quinta-feira, celeridade no desfecho das investigações.

Pátio ressaltou o excelente trabalho que Terezinha desempenhou junto ao Sanear. “Renovamos toda a frota de veículos estamos com 100% de água tratada e temos o melhor saneamento do Centro-Oeste, assim como ela, eu acredito no serviço público, por isso não vendemos o serviço de água e esgoto”, finalizou o gestor.

Leia Também:  Sanear comunica que vai faltar água em alguns bairros da cidade

O trabalho de Terezinha no período em que comandou o Sanear fez com que a cidade recebesse vários prêmios e o reconhecimento nacional. Destaca-se, entre eles, o prêmio pela primeira colocação do Centro-Oeste no quesito cidade de grande porte no Ranking da Universalização do Saneamento nos anos de 2019 e 2020, oferecido pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes). E também o prêmio do Instituto Trata Brasil 2019, por ser a cidade com uma das melhores iniciativas em prol ao avanço do saneamento básico de todo o país. Há 50 anos, Terezinha vivia em Rondonópolis.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA