RONDONÓPOLIS

POLÍTICA NACIONAL

Para Zenaide, é ‘absurdo’ que projeto retire da Anvisa e MMA decisão sobre agrotóxicos

Publicados

em

Em pronunciamento no Plenário nesta quarta-feira (22), a senadora Zenaide Maia (Pros-RN) considerou “absurdo” o projeto de lei (PL 1.459/2022) retirar da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e do Ministério do Meio Ambiente a decisão sobre a liberação de agrotóxicos. que passaria a ser apenas do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

— Por que vamos tirar a Anvisa? Não venham dizer que a Anvisa e o Meio Ambiente estão atrapalhando. Por que? Se somos, mesmo com a Anvisa, o segundo maior produtor, exportador, de alimentos do mundo! — destacou, deixando claro que respeita o agronegócio e sua importância para a economia brasileira e a geração de emprego.

Zenaide reclamou ainda da possibilidade de o projeto, que já foi aprovado na Câmara dos Deputados, ser votado em caráter terminativo na Comissão de Agricultura (CRA). O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, confirmou para a senadora que o texto será submetido ao Plenário do Senado.

A parlamentar lembrou que em menos de quatro anos foram liberados 1.682 novos agrotóxicos no Brasil pela Anvisa e pelo Ministério do Meio Ambiente. Ela criticou ainda o fato de os agrotóxicos levarem a várias doenças quando as pessoas são expostas a eles, lembrando que a pulverização por aviões e por drones atinge gente que está a 32 quilômetros de distância: “quem nem trabalha na área rural com isso aí”.

Leia Também:  Senado aprova PEC do estado de emergência

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA NACIONAL

Justiça Eleitoral convoca mesários que vão trabalhar nas eleições

Publicados

em

A Justiça Eleitoral começou a convocar hoje (5) os mesários que vão trabalhar nas eleições de outubro. No pleito deste ano, cerca de 2 milhões vão colaborar com o atendimento ao eleitor nas seções eleitorais, nos postos de justificativa e no apoio logístico no primeiro e segundo turnos. 

As pessoas que se inscreveram para trabalhar como mesários ou que foram convocados para prestar o serviço no dia da eleição vão receber um documento oficial da Justiça Eleitoral de forma física ou por aplicativo de mensagem e e-mail. O critério de comunicação será estabelecido por cada tribunal regional eleitoral (TRE). 

Após a convocação, os mesários passarão por um treinamento virtual, no qual receberão informações sobre os procedimentos que deverão ser adotados durante a votação e soluções para eventuais problemas que podem surgir. 

Eleitores menores de 18 anos não podem ser mesários, além de parentes de candidatos, integrantes de partidos políticos, ocupantes de cargos de confiança no Poder Executivo e servidores da Justiça Eleitoral. 

O primeiro turno será realizado no dia 2 de outubro, quando os eleitores vão às urnas para eleger o presidente da República, governadores, senadores, deputados federais, estaduais e distritais.

Leia Também:  CAE aprova projeto que prorroga até 2027 dedução de imposto para incentivo ao esporte

Eventual segundo turno  para a disputa presidencial e aos governos estaduais será em 30 de outubro. 

Edição: Maria Claudia

Fonte: EBC Política Nacional

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA