POLÍTICA NACIONAL

Horário eleitoral de Boulos tem frente ampla com Lula, Ciro, Marina e Dino

Publicados

em


source
lula propaganda eleitoral boulos
Reprodução

Horário eleitoral de Boulos tem frente ampla do campo progressista com Lula, Ciro Gomes, Marina Silva e Flávio Dino

O ex-presidente Lula (PT), o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) e os ex-ministros Ciro Gomes (PDT) e Marina Silva (Rede) apareceram no horário eleitoral gratuito da noite deste sábado (21) na propaganda do candidato do PSOL à prefeitura de São Paulo, Guilherme Boulos. A exibição das principais lideranças nacionais de PT, PCdoB, PDT e Rede coroam a aliança dos partidos de esquerda no segundo turno da disputa paulistana, em uma frente ampla contra Bruno Covas, João Doria e o PSDB.

Na véspera, um ato havia selado os apoios, mas apenas com participações das lideranças locais. O PSB também manifestou apoio a Boulos , mas o candidato do partido no primeiro turno, Márcio França, decidiu permanecer neutro, dizendo não estar convencido .

Leia Também:  Em reta final, Covas gasta quase sete vezes mais do que Boulos no Facebook

No horário eleitoral deste sábado, Lula , Dino, Ciro e Marina tiveram tempo semelhantes de exposição: cerca de 10 segundos para cada um. Apesar da proximidade de Boulos com Lula, a campanha do PSOL decidiu não dar protagonismo para o ex-presidente petista para que o candidatura não sofra com a rejeição de parte do eleitorado.

Ciro , o primeiro a aparecer, destacou que a chapa Boulos e Luiza Erundina representa a “mudança”. Em seguida, Flávio Dino falou que sabe do “compromisso de Boulos de governar de acordo com a constituição e as leis”. Lula disse admirar a trajetória do candidato na defesa do povo que mais precisa e afirmou que ele será um “extraordinário prefeito”. Marina, a última a falar, exalta o compromisso com a democracia e com a “justiça social” da chapa.

Além dos políticos, os cantores Caetano Veloso e Chico Buaques também apareceram pedindo voto para Boulos na mesma propaganda, bem como as atrizes Sonia Braga e Camila Morgado, o ator e diretor Wagner Moura e a atriz e cantora Elisa Lucinda.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA NACIONAL

Uso de células-tronco embrionárias pode ser proibido

Publicados

em


O senador Eduardo Girão (Podemos-CE) apresentou um projeto de lei, o PL 5.153/2020, que proíbe, para quaisquer fins, a utilização de células-tronco obtidas de embriões humanos — que são células capazes de transformar-se em qualquer tipo celular de um indivíduo adulto. Para banir o uso de células-tronco embrionárias, a proposta altera a Lei de Biossegurança (Lei 11.105, de 2005), que hoje permite o uso dessas células para fins de pesquisa e terapia.

Na justificativa do projeto, o senador reconhece que as células-tronco, na medicina, representam uma importante ferramenta terapêutica para doenças graves, a exemplo de linfoma, leucemia e mielodisplasia. Além de, no âmbito de pesquisas cientificas, abrirem perspectivas para o desenvolvimento de novos tratamentos, como para a doença de Parkinson. Contudo, Girão declarou ser contrário ao uso de células-tronco embrionárias em pesquisas.

“Defendemos que a vida se inicia com a concepção, ou seja, com a junção do espermatozoide com o óvulo. Assim, a partir desse momento, o embrião é um novo indivíduo com sua própria vida e merece ter sua integridade protegida. Isso se aplica igualmente aos embriões gerados por fertilização in vitro”, justifica.

Leia Também:  Senado lança nova versão do livro "A Abolição no Parlamento"

Segundo o parlamentar, em muitos experimentos no modelo animal essas células têm resultado na formação de teratomas (tipo de tumor de células), rejeição, entre outros problemas graves, não havendo, de acordo com ele, segurança para que se iniciem experimentações em seres humanos.

“As células-tronco embrionárias ficaram muito aquém da expectativa em termos de eficácia em tratamentos médicos. Elas são, em tese, capazes de gerar todos os tipos celulares humanos (chama-se a isso pluripotência). Mas apenas em tese, pois isso é o que ocorre in vivo, no desenvolvimento normal e natural do organismo”, argumenta o senador.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA