POLÍTICA NACIONAL

Covas e Russomanno seguem empatados no limite da margem de erro, diz Ibope

Publicados

em


source
Bruno Covas%2C prefeito de São Paulo e candidato à reeleição
Governo do Estado de São Paulo/Divulgação

Bruno Covas, prefeito de São Paulo e candidato à reeleição

Os candidatos à Prefeitura de São Paulo nas eleições municipais de 2020 Bruno Covas (PSDB) e Celso Russomanno (Republicanos) continuam empatados dentro do limite da margem de erro, mostra uma pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira (30). O tucano está com 26% das intenções de voto, enquanto o aliado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tem 20%. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Na comparação com a pesquisa anterior, publicada há duas semanas, o candidato do PSDB oscilou positivamente de 22% para 26%. Já Russomanno oscilou negativamente de 25% para 20%. Além do recuo, o deputado e apresentador de TV, sofreu uma forte alta na taxa de rejeição, de 30% para 38%.

Os dois são seguidos por Guilherme Boulos (PSOL), com 13%, e Márcio França (PSB), com 11%. Confira o resultado da pesquisa:

  • Bruno Covas (PSDB): 26%
  • Celso Russomanno (Republicanos): 20%
  • Guilherme Boulos (PSOL): 13%
  • Márcio França (PSB): 11%
  • Jilmar Tatto (PT): 6%
  • Arthur do Val (Patriota): 3%
  • Joice Hasselmann (PSL): 23%
  • Os demais candidatos ficaram com 1% ou menos
Leia Também:  Ibope Rio de Janeiro: Paes tem 53%, Crivella, 28%


COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA NACIONAL

Boulos apresenta sintomas após testar positivo para Covid-19

Publicados

em


source
Boulos
O Antagonista

Guilherme Boulos (PSOL)


Guilherme Boulos (PSOL), candidato à Prefeitura de São Paulo, apresentou os primeiros sintomas da Covid-19 neste sábado (28), um dia após testar positivo para a doença . Ele está sentindo febre, dor no corpo, dificuldade respiratória leve e deve passar por uma consulta na tarde deste sábado.


Boulos agradeceu o apoio que tem recebido das pessoas após testar positivo . O seu adversário na disputa pela prefeitura, Bruno Covas (PSDB), desejou melhoras.

“Estou bem, comecei a ter sintomas. Agradeço o apoio das pessoas que estão virando voto, estão nas carretadas, estão fazendo aquilo que eu não estou podendo fazer. Mas pedindo para que se cuidem e garantam as proteções sanitárias”, disse Boulos em entrevista ao colunista Leandro Sakamoto, do UOL .

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  "Querem lacrar e acabar com currículos", diz Covas sobre acusações contra vice
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA