RONDONÓPOLIS

POLÍTICA MT

Ulysses Moraes destina mais de R$ 1 milhão em emendas parlamentares para a Segurança Pública

Publicados

em


Foto: ANGELO VARELA / ALMT

O deputado Ulysses Moraes (PSL) fez uma destinação de mais de R$ 1 milhão de suas emendas parlamentares para a Polícia Militar de Mato Grosso, apenas neste ano de 2021. 

O deputado é vice-presidente da Comissão de Segurança Pública e Comunitária da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso (ALMT) e percorre as unidades de segurança de vários municípios entendendo quais são as principais demandas para então poder ajudar no que for possível. Com isso, a destinação para área de Segurança Pública é sempre expressiva. 

“Estamos sempre em contato com os profissionais da área de segurança. Eles nos trazem quais são as principais necessidades e fazemos o possível para ajudar”, disse Moraes. 

Em abril, o deputado destinou R$ 312.968,00 para aquisição de pistolas glocks. Já em maio, foram destinados R$ 14.405,75 para aquisição de drones de vigilância, para subsidiar atividade de inteligência no âmbito do 11° Comando Regional da PM-MT. No mesmo mês, o valor de R$ 150 mil das emendas do deputado foram para a aquisição de veículo para patrulha da Lei Maria da Penha, para o munícipio de Tangará da Serra. 

Leia Também:  Namorada de Otto publica foto com declaração: "Faz sol no meu coração"

O parlamentar fez ainda uma destinação de R$ 200.000,00 para reestruturação do canil da Polícia Militar. Além disso, outras destinações importantes foram para o Batalhão Ambiental. Como a de R$ 150 mil, destinados em abril e mais R$ 197.583,49 que foram para aquisição de Bens de Consumo pro Batalhão de Proteção Ambiental. 

“Só neste ano, foram mais de R$ 1 milhão das minhas emendas para a Polícia Militar de Mato Grosso. O total para Secretaria de Segurança Pública de Mato Grosso foi de R$ 1.074.957,19. Ficamos felizes em ver que podemos ajudar a melhorar a qualidade de trabalho desses profissionais. A área da segurança é muito importante e precisamos dar a devida atenção. Além disso, em todas as cidades do interior que percorremos, estamos indo das delegacias, dentre outras unidades da segurança para conhecer de perto qual é a realidade e a estrutura do local. Coletamos todas as demandas para então ajudar. Nosso objetivo é que no próximo ano, consigamos ajudar ainda mais”, finalizou o parlamentar.

Leia Também:  Ulysses Moraes encerra 2021 com uma economia superior a R$ 5,1 milhões do seu mandato
Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA MT

Após publicação da LOA, Nininho destaca as conquistas de Mato Grosso

Publicados

em


Foto: Marcos Lopes

Para o deputado estadual Ondanir Bortolini (PSD), Nininho, a Lei Orçamentária Anual de 2022 ( Lei nº 11.666), publicada no dia 11, com um orçamento de R$ 26,585 bilhões, é resultado de três anos de muito trabalho do governo do estado e equipe. Nininho também destacou o trabalho firme dos parlamentares, por meio da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso (ALMT), que têm atuado com firmeza em prol de ações que se refletem no cotidiano do cidadão.
“Nosso estado tem nota A em Capacidade de Pagamento. Foi implantado um pacote de redução de impostos expressivo. Com isso, o Estado lançou mão de pouco mais de R$ 1 bilhão. Se com um orçamento menor as ações estão acontecendo, com esse incremento vamos conquistar muito mais para o nosso povo. Temos visto o quanto os municípios estão se tornando independentes em relação à infraestrutura e investimentos nas áreas da saúde, educação, segurança pública, dentre outras. É preciso reconhecer que Mato Grosso é exemplo para tantos outros estados. Sabemos que é preciso trabalhar muito. Nosso estado tem tamanho continental, porém, avançamos muito nos últimos anos”, pontuou Nininho.
A LOA prevê investimentos na ordem de R$3,304 bilhões, correspondendo a aplicação de 15% da receita corrente líquida do Estado, em ações e serviços públicos para a população. Com relação ao orçamento de 2022 é 20% maior que o aprovado, em 2021, de R$22,114 bilhões. “Para se ter uma ideia, o superávit é registrado após 10 anos de déficit, quando o Estado gastava mais do que arrecadava”, comentou o parlamentar.
Nininho ainda lembrou que esse orçamento é reflexo das medidas tomadas em 2019, onde a participação da ALMT foi fundamental. “Era preciso ter uma postura firme e o governador Mauro Mendes foi enfático quanto às mudanças que deveriam ocorrer. Naquele momento nos unimos tanto a base aliada quanto a oposição ao Governo foram fundamentais as conquistas alcançadas”, asseverou o deputado.
 

Leia Também:  Moraes pede depoimento sobre ofensas de Roberto Jefferson
Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA