POLÍTICA MT

Deputado fiscaliza construção de unidade socioeducativa em VG que foi abandonada

Publicados

em


Foto: Fernanda Trindade

O deputado Ulysses Moraes realizou uma fiscalização, na quinta-feira (7), na construção de uma  unidade socioeducativa, em Várzea Grande que teve início das obras em 2010 e hoje encontra-se abandonada.

“Infelizmente, o cenário que encontramos na construção é triste. Vimos muito mato, sujeira e um completo abandono. Isso é um descaso com o dinheiro público que não pode acontecer. Já tem mais de 900 profissionais do socioeducativo aptos a assumirem o trabalho no sistema, e infelizmente, enquanto isso vemos essa situação de obra inacabada. É lamentável”, disse Moraes.

Essa demanda veio dos profissionais do socioeducativo que indignados com a situação, pediram uma fiscalização para o deputado.  Vale ainda destacar que essa obra foi lançada em 2010, com um prazo de finalização de 420 dias e um valor total de R$ 8.773.860,39. A unidade socioeducativa atenderia o município de Várzea Grande e região, mas não foi concluída. 

Em fevereiro de 2021, o parlamentar enviou um requerimento de n° 43/2021 pedindo informações sobre a obra. “Questionamos sobre o motivo dessa obra ter sido paralisada e a Secretaria de Estado de Segurança Pública de Mato Grosso nos respondeu que foi por problemas com a empresa responsável pela obra”. 

Leia Também:  João Batista apresenta Moção de Aplausos a policiais penais que salvaram criança de engasgamento

E sem a expedição de uma nova ordem de serviço, houve uma depredação e depreciação da obra. Assim, o governo afirmou, em resposta ao requerimento, que a obra não será mais retomada.

 “Isso é lamentável. Muitos profissionais já poderiam estar trabalhando ali, mas infelizmente a condição é totalmente precária. Vamos cobrar o governo de Mato Grosso para que situações como essa não se repitam, porque isso é dinheiro do cidadão indo para lixo e não podemos admitir”, finalizou o deputado.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA MT

Botelho indica e Sinfra entrega motoniveladora para Cuiabá

Publicados

em


Foto: MAURICIO BARBANT / ALMT

O deputado Eduardo Botelho (DEM) e o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística – Sinfra, Marcelo Oliveira, entregaram uma motoniveladora, nesta quarta-feira (27), para o prefeito em exercício de Cuiabá, José Roberto Stopa. A assinatura do termo de cessão de uso de equipamentos, a título gratuito, ocorreu hoje entre a Sinfra e Prefeitura de Cuiabá, por indicação de Botelho, para ajudar na recuperação de estradas da capital, especialmente, na zona rural.

As máquinas, expostas no pátio da Arena Pantanal, começam a ser entregues para as prefeituras. Botelho reafirmou a importância do trabalho da Assembleia Legislativa, que aprovou o pacote de medidas fiscais no passado, que ajudaram Mato Grosso a retomar o crescimento e, agora, pode consolidar metas, como o Programa Mais MT.  

“Uma ação da Assembleia Legislativa especificamente. Pois os deputados deram essa condição para o governo de investir e o governo aos deputados para indicar os municípios que seriam contemplados. Indicamos Cuiabá, Várzea Grande e vários outros municípios, como Nossa Senhora do Livramento, que estão recebendo equipamentos. Esse momento aqui é de entrega da máquina e já poderão colocar para trabalhar. Vai atender a zona rural onde tem o maior problema de patrolamento. Então, vai ajudar e, muito, todos os munícipes de Cuiabá”, destacou o deputado.

Leia Também:  Projeto propõe "Agenda 2030" de desenvolvimento sustentável para Mato Grosso

O prefeito agradeceu a iniciativa que fará diferença nas ruas não pavimentadas das comunidades. “Quero agradecer o deputado Eduardo Botelho que solicitou ao secretário Marcelo Padeiro e o governo do estado, gentilmente, nos fornece esse equipamento que vai ser de extrema utilidade, principalmente, para a zona rural. Temos hoje em torno de 700 quilômetros de estrada de chão que precisam receber manutenção periódica”, disse Stopa.  

Dentre as cidades contempladas, Botelho também indicou Arenápolis, Cuiabá, Diamantino, Jangada, Nobres, Nossa Senhora do Livramento, Porto Estrela, Santa Rita do Trivelato e Várzea Grande.

MAIS MT – No primeiro lote são 74 máquinas, sendo 46 motoniveladoras, 14 pás-carregadeiras e 14 escavadeiras hidráulicas que estão sendo entregues pela Sinfra, com indicações parlamentares. O Estado adquiriu 175 máquinas e equipamentos, com investimento da ordem de R$ 96,5 milhões através do Mais MT.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA