POLICIAL

PRF recupera veículo em Rondonópolis-MT

Publicados

em


No dia 24 de outubro, por volta das 20 horas, uma equipe da PRF realizava rondas no trecho da BR 364, entre as cidades de Pedra Preta-MT e Rondonópolis, quando visualizou um automóvel Honda Civic, de cor branca, que seguia sentido Rondonópolis.

Foi dada ordem de parada ao veículo, e solicitada a documentação ao motorista, nesse momento, sendo constatado que o automóvel era dirigido por uma mulher de 36 anos. A abordada informou que tinha saído de Rondonópolis e que o carro pertencia a uma amiga. Segundo ela, foi até Coxim-MS para visitar uma tia que faz tratamento de câncer e estava retornando.

Em análise aos elementos identificadores do veículo, foi constato indícios de adulteração com a utilização de instrumento abrasivo e posterior remarcação nas numerações do chassi e motor. Os policiais verificaram os demais elementos identificadores e foi possível descobri a real identidade do Civic, qual seja, um automóvel com ocorrência de Roubo na cidade do Rio de Janeiro, em 21 de outubro deste mês.

No interior do veículo foram localizados diversos ticket(s) de pedágio, os quais contradizem a história contada pela conduzida, pois comprovam a passagem em diversos postos de pedágio no interior da cidade de São Paulo, na data da ocorrência.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão a mulher pelo crime de receptação.

Ela foi apresentada na Delegacia da Polícia Civil de Rondonópolis para a realização dos procedimentos legais de praxe.

Fonte: PRF MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Deputado Claudinei homenageia representantes da saúde pública de Rondonópolis
Propaganda

POLICIAL

Polícia Civil cumpre prisão contra padrasto que abusava sexualmente de 4 enteadas menores de idade

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um padrasto que cometia abusos sexuais contra quatro enteadas menores de idade foi preso pela Polícia Civil, no sábado (04.12), no município de Colniza (1.065 km a noroeste de Cuiabá), em cumprimento de mandado de prisão.

O suspeito de 54 anos teve a prisão preventiva decretada pela Justiça, pelo crime de estupro de vulnerável, após rápida providências tomadas pela Polícia Civil, Ministério Público e Poder Judiciário.

Na sexta-feira (03) o Conselho Tutelar apresentou as meninas de 12, 10, 8 e 6 anos, respectivamente, junto com a mãe, na Delegacia de Polícia de Colniza para comunicar os fatos. 

Com a participação da psicóloga, do promotor de Justiça e do juiz da Comarca, as vítimas foram ouvidas em depoimento especial, e mesmo demonstrando estarem abaladas contaram com detalhes os abusos que vinham sofrendo  por parte do padrasto, há cerca de dois anos, quando ele passou a morar com a mãe das crianças.

Toda a audiência foi acompanhada por meio de videoconferência pela equipe da Polícia Civil. As quatro menores foram submetidas ao exame de corpo delito, sendo na menina mais velha (de 12 anos) constatado o ato de conjunção carnal.

Leia Também:  Suspeito é preso em flagrante e PM recupera dinheiro roubado em estabelecimento comercial

Diante da gravidade dos fatos, o Ministério Público representou imediatamente pela prisão preventiva do acusado deferido pelo juízo competente. De posse do mandado os investigadores foram até a residência onde o suspeito estava e realizaram a detenção dele.

O investigado foi conduzido até a Delegacia de Colniza, interrogado e posteriormente encaminhado para Cadeia Pública da cidade, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA