POLICIAL

Polícia Civil de Lucas do Rio Verde recebe agradecimento de casal vítima de roubo

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

A equipe da Delegacia de Lucas do Rio Verde (354 km ao norte de Cuiabá) recebeu o carinho especial de duas vítimas de roubo mediante sequestro que retribuíram o atendimento recebido na unidade com palavras de agradecimento.

 

O casal saiu do Parana? e conduzia um caminha?o, que carregava uma retroescavadeira, quando foram abordados pelos suspeitos no munici?pio de Jangada. Homem e mulher foram feitos refe?ns e o motorista obrigado a dirigir ate? Lucas do Rio Verde.

No munici?pio, o casal foi levado para uma casa, onde ficaram em ca?rcere por horas. Posteriormente, as vi?timas foram levadas ate? as imediac?o?es do Posto Gil, onde foram deixadas, retornando de o?nibus para Lucas do Rio Verde, onde registraram a ocorre?ncia.

 

Durante o atendimento, os policiais civis prestaram a assiste?ncia necessa?ria, visando na?o so? o registro da ocorre?ncia e recuperac?a?o dos vei?culos, mas tambe?m priorizando o estado psicolo?gico das vi?timas, que estavam profundamente abaladas com os momentos de pânicos passados em poder dos criminosos.

O caminha?o foi recuperado na sexta-feira (27.11), e o maquina?rio continua desaparecido.

Leia Também:  Adolescente envolvida em latrocínio no interior é apreendida após investigações da Polícia Civil

Os delegados, Marcello Henrique Maidame e Eugênio Rudy Junior receberam os agradecimentos do Sr. João Flávio e da Sra. Viviana, vítimas do roubo, em nome da equipe. Na carta, o casal agradecia de todo o coração todo o trabalho e dedicação prestado por toda equipe.

“Vocês são nossos anjos da guarda!!! Como é bom chegar em um ambiente e sentir que alguém realmente se importa com os seus problemas (essa equipe é nota 10)”’, dizia um trecho da carta.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Polícias Civil e Militar frustam festa promovida por facção criminosa e fecham ponto de venda de drogas

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil e Polícia Militar de Água Boa (730 km a leste de Cuiabá) deflagraram na madrugada deste domingo (24.01) a operação “Surpresa” visando coibir e reprimir a prática de crimes de tráfico de drogas e a atuação de facções criminosas na cidade. 

O trabalho integrado resultou na frustração de uma festa idealizada por uma organização criminosa na zona rural do município, com a condução de cinco pessoas, entre elas quatro menores de idade. Concomitantemente as equipes fecharam um ponto de vendas de drogas, localizado no bairro Primavera, e efetuaram a prisão de um casal. 

Os policiais civis da Delegacia de Água Boa, em conjunto com os militares do 13º Comando Regional da PM, receberam denúncia sobre uma festa na zona rural do município, promovida por uma organização criminosa para comemorar o aniversário de um membro da facção. 

Segundo apurado houve anúncio e convite do evento em redes sociais, informando que no local haveria a venda de drogas sintéticas e a presença de adolescentes. 

Leia Também:  Policiais descobrem casa usada como laboratório na produção de entorpecente

Diante das informações as equipes deslocaram-se até a chácara onde encontraram cerca de 80 pessoas, entre elas menores de idade. No momento da chegada dos policiais no local, o organizador da festa e outros suspeitos conseguiram fugir pelo matagal. 

Na ocasião quatro adolescentes e um adulto, o qual possuía cumprimento de medida cautelar judicial e deveria permanecer em casa no período noturno, foram detidos e encaminhados para Delegacia de Polícia para as providências cabíveis.

Conforme o delegado de Água Boa, Valmon Pereira da Silva, paralelo a essa ação policial, outras equipes foram até uma residência no bairro Primavera, onde já haviam diversas denúncias de plena comercialização de drogas no imóvel.

“No local foram flagrados alguns usuários fazendo consumo de entorpecentes no endereço. Após revistas foram apreendidas diversas porções de drogas prontas para consumo, máquina de cartão de crédito, caderno com anotações de clientes, uma quantia em dinheiro, entre outros objetos apreendidos”, destacou o delegado.

Um homem e uma mulher responsáveis pela casa foram presos e autuados em flagrante por tráfico e associação para o tráfico de drogas. Três pessoas usuárias também foram conduzidas para a delegacia, e responderão o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por uso de drogas.

Leia Também:  Radiocomunicação digital é definida como ferramenta eficaz no combate à criminalidade

 

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA