POLICIAL

Novos diretores apostam nos valores cívicos para ampliar aprendizagem

Publicados

em


Trabalhar valores como disciplina, respeito à hierarquia e patriotismo estão entre as metas dos novos diretores de quatro escolas estaduais militares que tomaram posse na manhã desta segunda-feira (22), em cerimônia realizada no auditório da Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT). As unidades de ensino ficam em Cáceres, Barra do Garças, Várzea Grande e Tangará da Serra.

“Sabemos da responsabilidade que foi atribuída a nós. Afinal, eram 650 alunos e hoje são 1.160 matriculados (em Várzea Grande). Vamos trabalhar valores morais, cívicos, disciplina, hierarquia, esse é o nosso foco. A parte pedagógica compete à Seduc e a nós compete trabalhar esses valores nas crianças e adolescentes”, disse o tenente-coronel PM RR Edivaldo Souza de Oliveira, que assumiu a E. E. Tenente-Coronel PM Louirson Rodrigues Benevides, em Várzea Grande.

Em Cáceres, onde a E. E. Natalino Ferreira Mendes recebeu também o nome de E.E. da PM Tiradentes CB PM RR David Maciel de Campos, o novo diretor afirmou que a procura dos estudantes aumentou e que tem recebido respaldo da comunidade.

Leia Também:  Dupla envolvida em roubo de Etios é presa com bloqueador de sinal na capital

“A dificuldade ainda é grande porque tudo é novo, mas estamos dando o melhor. Temos tido o apoio da assessoria pedagógica da Seduc e também vimos que a comunidade cacerense depositou uma confiança muito grande na escola militar. Temos a expectativa de diminuir a evasão escolar e melhorar os índices de aprendizagem”, disse o 2º tenente PM Paulo Pinto do Nascimento Jatobá.

Na E.E. da Polícia Militar Tiradentes 1º Tenente PM Salomão Fernandes Ferreira Piovesan, em Tangará da Serra, o novo diretor, capitão PM Márcio Pereira da Silva, reforçou o preparo dos policiais para as novas funções.

“O oficial da Polícia Militar é treinado para gestão de pessoas, para coordenar, para liderar pessoas. O novo modelo na educação de Mato Grosso vem somar a participação da PM com a dos professores. Vamos focar também no respeito, no civismo, esses valores são de fundamental importância”, declarou.

Segundo o diretor, que já é possível perceber a diferença em relação ao interesse dos estudantes. “De acordo com os professores, no ano passado havia aulas que eram acompanhadas por quatro, cinco alunos. Hoje, num universo de 30 alunos por turma, considerando o Ensino Fundamental, o índice de alunos em cada aula está superior a 20, 25”, disse.

Leia Também:  Oito foragidos por homicídio, roubo, furto e tráfico de droga foram capturados na capital e mais três cidades

Escolas militares

As quatro escolas estaduais recentemente transformadas em unidades militares terão a coordenação pedagógica sob a responsabilidade da Seduc-MT. Mato Grosso tem, atualmente, 12 escolas militares, em 12 cidades.

Fonte: PM MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

PM fecha festas clandestinas, apreende drogas e conduz 18 pessoas para delegacias

Publicados

em


Na madrugada deste domingo (28.02) policiais militares conduziram 18 pessoas para delegacias e acabaram com três festas clandestinas com aglomeração de pessoas no Estado. A ação é resultado da Operação Dispersão III, desencadeada pela Polícia Militar nos 141 municípios. 

Está é a terceira etapa das atividades de prevenção e fiscalização do cumprimento das medidas de restrição adotadas como forma reduzir os riscos de propagação do novo coronavírus (Covid-19).

Em Cáceres (225 km de Cuiabá), a Polícia Militar empregou um grande aparato policial (Força Tática, Ambiental e viaturas do policiamento e rotina) no apoio aos fiscais de Prefeitura e conselheiros tutelares para por fim a uma festa clandestina que ocorria no bairro Garcez, em uma chácara.

No local havia mais de 100 pessoas, dezenas delas menores de idade, e até uma mulher com dois filhos de colo, de três e dois anos. Organizada para cobrança de ingresso, lá foram detidas 14 pessoas, apreendidas caixa de pulseiras de identificação, equipamentos de som, além de R$ 600 e porções de maconha e pasta base de cocaína.

Leia Também:  Posse de 12 novos promotores de Justiça substitutos será amanhã (26)

Já em Pedra Preta (238 km de Cuiabá), a partir da denúncia de populares, policiais interromperam uma festa com mais 100 pessoas que acontecia em uma residência. Conforme narrativa da equipe da PM, havia dezenas de pessoas no local consumindo bebidas alcóolicas e fazendo uso de narguilé. Quatro adultos, três homens e uma mulher, que seriam os organizados do evento, foram conduzidos à delegacia.

Na MT-040, em Santo Antônio de Leverger (34 km de Cuiabá), policiais militares acabaram com uma festa clandestina com aglomeração de cerca de 300 pessoas. Quando os policiais do 9º Batalhão e da 3ª se aproximaram do local os participantes correram para diferentes direções se escondendo em áreas de mata. A festa chegou ao final, mas ninguém foi preso.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 08000.65.39.39. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes.

Leia Também:  Um adulto é preso e adolescente apreendido em flagrante por roubos cometidos em propriedades rurais
Fonte: PM MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA