POLICIAL

Mulher é presa em flagrante pela Polícia Civil após abrir contas em nome de vítima autista para aplicar golpes

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Policiais da Delegacia Especializada de Estelionato e Outras Fraudes prenderam nesta quinta-feira (16), em Cuiabá, uma mulher por estelionato e abuso de incapaz.

A equipe da Delegacia de Estelionatos iniciou as diligências para apurar informações relatadas pelo pai de um rapaz de 23 anos, que tem transtorno do espectro autista, que passou à suspeita seus documentos pessoais para que fosse aberta contas bancárias virtuais. A vítima foi também ludibriada de que trabalharia para a suspeita e receberia um salário mínimo.

Foram abertas três contas bancárias no nome do rapaz e a suspeita ainda pediu a ele que não dissesse nada das contas a outras pessoas.

Como parte do golpe, a suspeita utilizou outro endereço diferente ao da vítima, para que pudesse receber os cartões vinculados às contas.

A partir das informações, a equipe da Estelionatos conseguiu localizar a suspeita, que foi presa e autuada em flagrante pelo delegado Marcelo Carvalho pelos crimes de estelionato e abuso de incapaz.

O delegado destaca que a unidade policial está apurando se as contas abertas pela suspeita seriam utilizadas para recebimento de transações bancárias oriundas de estelionato.

Leia Também:  Polícia Militar realiza troca de comando do 1º Batalhão em Cuiabá  

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Estelionatário que usava dados de vítimas para fazer compras pela internet é preso pela Polícia Civil em Sorriso

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um estelionatário que utilizava dados pessoais de vítimas para realizar compras fraudulentas pela internet foi preso em flagrante pela Polícia Civil, na quarta-feira (20.10), durante investigações da Delegacia de Sorriso (449 km ao norte de Cuiabá). O golpista de 27 anos confessou o crime e foi autuado em flagrante por estelionato.

As investigações iniciaram após os policiais da Delegacia de Sorriso serem comunicadas pela vítima de que uma pessoa estava usando o seu nome indevidamente para realizar compras pela internet.

Segundo o comunicante, o estelionatário comprou um capô de veículo Gol G$/Parati/Saveiro, pelo valor de R$ 1.137, que seria entregue em um endereço no bairro Jardim Amazônia.

Com base nas informações, os policiais foram até o endereço indicado, onde foram recebidos pelo suspeito, que admitiu ter feito a compra mediante fraude pela internet, utilizando nome de terceiro.

Diante dos fatos, o capô foi apreendido e o suspeito conduzido à Delegacia de Sorriso, onde após ser interrogado, foi autuado em flagrante por estelionato pela internet.

Leia Também:  Policiais prendem homem em flagrante por roubo no CPA

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA