NA CAPITAL

Plano de Ação do Turismo entra na fase de execução; propostas foram validadas pelo prefeito Emanuel Pinheiro

Publicados

em


Após a apresentação feita ao prefeito Emanuel Pinheiro do Plano de Ação do Turismo, no início deste mês de julho, o secretário responsável pela pasta em Cuiabá, Oscarlino Alves realizou diversas reuniões estratégicas com representantes dos setores para tratar sobre a execução. “Cumprindo a etapa de planejamento agora chegou a fase da efetivação das propostas aprovadas pelo prefeito”, disse o secretário municipal de Turismo, Oscarlino Alves.

Um dos encontros foi com a diretoria do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), a fim de ofertar cursos de capacitação voltados aos colaboradores do Trade Turístico. O objetivo é buscar dentro do portfólio da instituição qualificações para as diversas funções hoteleiras: – recepção, camareira, mensageiro, guias de turismo, garçons, atendentes de bares e restaurantes, dentre outros.

“Queremos com esses cursos preparatórios buscar o conhecimento desses colaboradores e preparar essas pessoas quanto às estratégias de informação aos turistas, melhorar a qualidade do atendimento ofertado aos visitantes presentes na nossa capital, a gastronomia e as belezas naturais”, acrescentou Oscarlino.

Leia Também:  SUGESTÃO DE PAUTA - Reunião de alinhamento sobre metas e indicadores visando edição 2021-2024 do Selo Unicef

Outra reunião foi com profissionais de Tecnologia da Informação (TI), onde foram tratados os encaminhamentos necessários para elaboração do aplicativo “Turismo Cuiabá”. Com essa ferramenta tecnológica, tanto os visitantes como a população cuiabana terá acesso a todas as ações e serviços existentes. O aplicativo vai abrigar todas as ações sobre o que fazer, onde comer, onde dormir, horários de funcionamentos dos estabelecimentos, tudo roteirizado por GPS.

O estudo de viabilidade técnica para construção da Marina Flutuante, no São Gonçalo Beira Rio já está em fase de execução. O Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Urbano (IPDU) elaborou um projeto que contempla um mirante e uma marina flutuante. O conceito foi criado por uma empresa de arquitetura e marketing.

“Ambas foram apresentadas para o prefeito que solicitou ao secretário que fosse confeccionado o projeto arquitetônico executivo, quantificando os recursos a serem investidos. Com isso, será possível analisar os valores, buscar linhas de financiamento por meio de emendas federais ou por recursos próprios. Tudo irá passar pelo crivo do nosso prefeito e pelo Conselho Municipal de Turismo”, frisou o gestor da pasta de turismo.

Leia Também:  Netflix lança seu primeiro plano gratuito, disponível apenas para Android

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, destacou as ações já promovidas em prol do turismo da capital. “É a primeira vez que estamos elaborando uma política municipal do turismo. Essa uma das metas da minha gestão, fortalecer o potencial turístico da capital, transformando a capital de Mato Grosso como um dos centros atrativos de visitação. Cuiabá tem muitas belezas naturais que precisam ser exploradas”, sentenciou o prefeito Emanuel Pinheiro.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

NA CAPITAL

Defesa Civil identifica problema que causou inundação em porão de prédio no centro de Cuiabá

Publicados

em


Davi Valle

Clique para ampliar

A Defesa Civil de Cuiabá informou que foi detectado o problema que ocasionou o alagamento no subsolo de um edifício localizado na Rua Barão de Melgaço, na área central da Capital. Segundo informações dos técnicos, a inundação foi provocada por uma mina que já existia no local antes da construção do prédio.

O diretor da Defesa Civil de Cuiabá, José Pedro Zanetti, explicou que com o fechamento do prédio há cerca de dois anos, o fornecimento de energia foi suspenso e a bomba que funcionava no local foi desligada automaticamente. “Após uma vistoria minuciosa por parte dos técnicos da concessionaria, a empresa Águas Cuiabá, de um técnico do Itaú e da Defesa Civil, foi constado que não há mais problema. A bomba está funcionando normalmente”, explicou José Pedro Zanetti.

Na tarde desta segunda-feira (20) a Defesa Civil interditou o local e evacuou o prédio do banco Santander, após constatar a inundação no subsolo, no prédio vizinho. Hoje pela manhã técnicos da Águas Cuiabá realizaram testes na água que se encontrava no subsolo do prédio fechado e não foi constata a presença de cloro ou flúor significando que não se trata de água tratada.

Leia Também:  Sugestão de pauta - Prefeito Emanuel Pinheiro assina projeto de lei que institui a Previdência complementar no Município

Um laudo que será emitido ainda nesta terça-feira (21) pelo técnico do Itaú, permitirá seja solicitada a religação da energia nos dois prédios e a liberação da interdição por parte da Defesa Civil.

Nas vistorias realizadas pela concessionária de água, foi constato um vazamento de pequeno porte – não relacionado à inundação do subsolo do prédio -, na altura da Rua Comandante Costa, já reparado. A empresa informou que o abastecimento de água tratada na região central da cidade segue normal.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA