AGRONEGÓCIO

(Senar) lançou um novo curso na modalidade Educação à Distância (EaD) com o tema “Boas práticas para a produção vegetal

Publicados

em

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) lançou um novo curso na modalidade Educação à Distância (EaD) com o tema “Boas práticas para a produção vegetal”. A próxima turma inicia nesta quarta-feira (25.11) e as vagas são limitadas.
O treinamento é destinado a produtores rurais de pequeno porte, trabalhadores rurais e seus respectivos familiares. O objetivo é capacitá-los quanto às normas para uma produção mais sustentável, incluindo a segurança alimentar.
Os participantes aprenderão desde o manejo do solo para plantio até a pós-colheita e beneficiamento, durante os cinco módulos do curso. Ao todo serão 20h de carga horária que poderão ser cumpridas em um período de 30 dias.
O conteúdo será apresentado por meio de material complementar, fóruns, chats e atividades interativas. Além disso, tutores estarão à disposição para esclarecimento de dúvidas.
Os interessados devem ficar atentos a alguns requisitos como ter idade superior a 16 anos e acesso à internet. Para realizar a matrícula acesse o link http://ead.senar.org.br/

Fonte: Assessoria de Comunicação CNA

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  MILHO/CEPEA: Indicador se aproxima de novo recorde real
Propaganda

AGRONEGÓCIO

BOI/CEPEA: Indicador se aproxima de R$ 300

Publicados

em


Cepea, 28/01/2021 – Os preços do boi gordo seguem em firme movimento de alta neste mês. Na parcial de janeiro, o Indicador CEPEA/B3 (estado de São Paulo) subiu 11,49%, atingindo R$ 297,85 nessa quarta-feira, 27. Vale lembrar que, na terça-feira, 26, o Indicador fechou a R$ 298,00, novo recorde da série histórica do Cepea, iniciada em 1994. Segundo pesquisadores do Cepea, a baixa oferta de animais prontos para o abate e a demanda aquecida são os motivos para os avanços nos valores da arroba. Quanto aos animais de reposição (bezerro nelore, de 8 a 12 meses), os valores atuais também são recordes. Neste caso, o impulso vem do maior aumento do abate de fêmeas entre 2018 e 2019 e da forte demanda por reposição, devido à aquecida procura externa pela carne brasileira ao longo de 2020. O recorde real do Indicador do bezerro foi registrado na segunda-feira, 25, quando atingiu R$ 2.811,77/cabeça – nessa quarta-feira, 27, fechou a R$ 2.704,79. Fonte: www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Agronegócio precisa de inserção digital, diz ministra da Agropecuária; entenda
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA