MATO GROSSO

Governo paga servidores estaduais nesta sexta-feira (26)

Publicados

em


Pelo sexto mês consecutivo, os servidores estaduais receberão seus salários dentro do mês trabalhado. Nesta sexta-feira (26.02), os salários dos servidores públicos estaduais ativos, inativos e pensionistas, relativos ao mês de fevereiro, estarão disponíveis em suas contas bancárias. O pagamento cumpre o anunciado em janeiro pelo governador Mauro Mendes.

De acordo com a Secretaria Adjunta do Tesouro Estadual, da Secretaria de Fazenda, a folha liquida do mês de fevereiro chega a R$ 471.531.582,96, sendo R$ 296.442.460,24 para ativos e R$ 175.089.122.72 para inativos e pensionistas.

Receberão salários e proventos 107.819 pessoas. Desse total 67.422 são servidores ativos das administrações direta e indireta; 36.023 inativos e mais 4.354 pensionistas. O dinheiro estará liberado tanto para quem tem contas no BB, como para aqueles que fizeram portabilidade para outros bancos.

A secretária adjunta do Tesouro Estadual, Luciana Rosa, informa que o fechamento da folha de pagamento e a transmissão ao Banco do Brasil foi concluído na manhã desta quinta-feira (25). Os documentos impressos foram enviados para o banco também nesta manhã e até o meio dia desta sexta-feira todos os depósitos já terão sido processados pelo Banco do Brasil

Leia Também:  Na mira de Bolsonaro, Petrobras terá novos diretores e presidente nesta segunda
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Sefaz divulga resultado da consulta pública sobre o PLDO 2022

Publicados

em


A Secretaria de Fazenda (Sefaz) divulgou o relatório da consulta pública eletrônica do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias 2022 (PLDO), realizada no período de 1 a 15 de março deste ano. Os dados coletados serão encaminhados para a Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) para subsidiar a elaboração do Anexo de Metas e Prioridades do projeto de lei.

Por meio da consulta pública, a sociedade civil organizada indicou as ações que devem ser priorizadas pelo Governo de Mato Grosso e receber maiores investimentos no próximo ano. O resultado está disponível no site da Sefaz e pode ser acessado por toda a população.

Participaram da consulta pública 138 pessoas de diversos segmentos da sociedade civil, sendo em sua maioria o cidadão comum com 110 votos, equivalente a 39,86% dos participantes. Também responderam ao questionário servidores públicos, trabalhadores de iniciativa privada, estudantes e representantes de órgãos colegiados.

A consulta pública foi composta por 73 questões relacionadas a nove áreas: assistência social, saúde, educação, segurança, cultura, esporte e lazer, desenvolvimento econômico, infraestrutura, meio ambiente e agricultura familiar. Ao responder, o participante tinha que escolher duas demandas por segmento que considerasse prioridade.

O segmento que teve porcentagens mais expressivas foi o de assistência social, no qual os participantes indicaram que “qualificar profissionalmente pessoas em situação de vulnerabilidade e risco social” deve ser uma das prioridades em 2022. A demanda recebeu 66% dos votos, ficando acima da ação “apoiar e fomentar ações de empreendedorismo para obtenção de renda”, que teve 51% dos votos.

Leia Também:  Cooperativa de Agricultores Familiares em Campo Verde recebe autorização para comercializar produtos em todo o Estado

Essa foi a primeira vez que o Poder Executivo disponibilizou uma consulta pública para que a sociedade opinasse no processo de elaboração dos orçamentos públicos. A metodologia é um elemento essencial à democracia e está prevista na Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar nº 101, de 04 de maio de 2000, Art. 48, §1º, I).

Confira as principais demandas votadas por área:

Assistência Social

1º – Qualificar profissionalmente pessoas em situação de vulnerabilidade e risco social, com 66% dos votos.

2º – Apoiar e fomentar ações de empreendedorismo para obtenção de renda, com 51% dos votos.

Saúde

1º – Investimento em infraestrutura hospitalar, com 51% dos votos.

2º – Ampliar e fortalecer a atenção Básica / Primária (Postos de Saúde), com 47% dos votos.

Educação

1º – Ampliar e fortalecer a educação básica do Estado de MT (ensino fundamental), com 51% dos votos.

2º – Aumentar o número de escolas em tempo integral, com 35% dos votos.

Segurança

1º – Intensificar o policiamento nos bairros, a polícia mais próxima da comunidade, com 52 % dos votos.

Leia Também:  Ação conjunta que contou com apoio do Gefron-MT apreende 579 kg de cocaína em RO

2º – Intensificar a prestação dos serviços de segurança pública ao cidadão, para melhoria da ordem pública e da defesa da coletividade, com 32% dos votos.

Cultura, Esporte e Lazer

1º – Fomentar a economia criativa, com 38% dos votos.

2º – Fomentar projetos audiovisuais, de música, de teatro e de dança, com 32% dos votos.

Desenvolvimento Econômico

1º – Promover estudos sobre recursos minerais, geológicos e energéticos do estado incentivando o uso sustentável e economicamente viável, com 42% dos votos.

2º – Melhorar a infraestrutura nos destinos turísticos, com 41% dos votos.

Infraestrutura

1º – Fomentar programas de habitação popular, com 44% dos votos.

2º – Fomentar a estruturação do saneamento ambiental no município, com 41% dos votos.

Meio Ambiente

1º – Ampliar a fiscalização no combate ao desmatamento e queimada no Estado de Mato Grosso, com 41% dos votos.

2º – Implementar ações que proporcionem o uso sustentável dos recursos naturais, com 40% dos votos.

Agricultura Familiar

1º – Apoiar a comercialização de produtos oriundos da agricultura familiar, com 65% dos votos.

2º – Estruturar os canais de comercialização: feiras livres e permanentes, centros de comercialização, com 48% dos votos.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA