MATO GROSSO

Dados errados nos documentos pessoais devem ser corrigidos, alerta MT Prev

Publicados

em


O Mato Grosso Previdência (MT Prev) orienta os aposentados e pensionistas sobre a necessidade de manter os documentos pessoais atualizados em caso de mudanças de nome, ou corrigidos, quando for identificado algum erro de grafia ou de data.

É importante que os documentos estejam retificados para que o servidor possa atualizar os dados cadastrais junto ao MT Prev, afirma a gerente do setor de cadastro da autarquia, Luciana Conceição Silva.

Os erros são comuns, e muitas vezes o aposentado só percebe que os documentos não estão em conformidade quando tem problemas em instituições bancárias, órgãos públicos, emissão de passaporte, compra e venda de imóveis, ou inventários.

Para evitar esta situação, é necessário conferir se todos os seus dados estão corretos e iguais em todos os documentos pessoais, como a certidão de nascimento, certidão de casamento, Registro Geral (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF), e nos comprovantes de endereço. 

“Os aposentados têm procurado com frequência o Mato Grosso Previdência para atualizar o e-mail de acesso ao holerite. Para fazer a atualização, pedimos documentos pessoais, e identificamos muitas inconsistências que precisam ser corrigidas pelos aposentados e pensionistas o mais breve possível”, explica. 

Leia Também:  PM lança Operação Patrulha Maria da Penha em apoio a Mutirão do TJMT

Para a gerente, é necessário conscientizar os aposentados sobre a necessidade da conferência dos seus documentos, para facilitar a atualização cadastral que deverá ser feita no órgão em breve. Documentos que estão errados não poderão ser aceitos pelo órgão no cadastro. 

Além da verificação de grafia em documentos impressos, é possível verificar se os seus dados estão corretos nas bases da Receita Federal e do Cadastro Nacional de Informações Sociais, por meio da Consulta de Qualificação Cadastral. CLIQUE AQUI para fazer a consulta pela internet. 

Como retificar os documentos

Para atualizar uma mudança de nome após o casamento, ou separação, é necessário pedir a correção em outras bases de dados tendo em mãos a certidão de casamento registrada em cartório. O alerta vai para a demora de um procedimento de retificação quando a mudança é em algum documento emitido em cartório, como certidão de nascimento, de casamento, ou de óbito (em caso de pensionistas).

O procedimento cartorário pode demorar meses até a aprovação da mudança. Erros simples na grafia de nomes podem ser corrigidos nos cartórios de registro civil. 

Leia Também:  Ataque hacker: PGR pede dados à PF por suposto envolvimento de deputados do PSL

Casos que são considerados como erro de digitação, em que faltam letras ou elas foram trocadas, basta que a pessoa faça o pedido ao oficial e será aberto um procedimento administrativo que pedirá autorização da Justiça e do Ministério Público. 

Nos casos mais complexos, em que há troca ou não inclusão de sobrenomes, ou nas situações de datas de nascimento erradas, é necessário contatar um advogado para solicitar que a mudança seja feita. O pedido será enviado para avaliação de um juiz, e ao promotor público.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Sábado (28): Mato Grosso registra 158.314 casos e 4.127 óbitos por Covid-19

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (28.11), 158.314 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 4.127 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 230 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 158.314 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 2.524 estão em isolamento domiciliar e 151.194 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 129 internações em UTIs públicas e 136 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 32,01% para UTIs adulto e em 16% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (34.902), Rondonópolis (11.700), Várzea Grande (11.229), Sinop (8.294), Sorriso (6.759), Lucas do Rio Verde (6.158), Tangará da Serra (6.098), Primavera do Leste (5.268), Cáceres (3.623) e Nova Mutum (3.349).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia Também:  Com ação da OAB, STF determina que Ministério da Saúde volte a divulgar dados da pandemia

O documento ainda aponta que um total de 123.762 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 152 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na última sexta-feira (27), o Governo Federal confirmou o total de 6.238.350 casos da Covid-19 no Brasil e 171.974 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 6.204.220 casos da Covid-19 no Brasil e 171.460 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus. 

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados de sábado (28). 

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde. 

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

Leia Também:  Governo licita elaboração de projetos para mais de mil km de asfalto novo e 51 novas pontes em MT

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA