MATO GROSSO

Corpo de homem desaparecido na zona rural de Pontes e Lacerda é localizado enterrado em córrego

Publicados

em


A Polícia Civil de Pontes e Lacerda, na região oeste do estado, localizou em um córrego, na zona rural do município, o corpo de um homem que estava desaparecido desde a primeira quinzena de março.

A Delegacia de Pontes e Lacerda abriu uma investigação para apurar as circunstâncias do desaparecimento da vítima, identificada por familiares como Reinaldo Tomaz de Aquino, 43 anos.

Familiares procuraram a Polícia Civil no dia 14 de março informando que a vítima foi vista pela última vez no dia 7 de março, em uma fazenda nas proximidades da Vila Triunfo, na zona rural do município.

Residentes da localidade informaram que dois dias após a data em que foi visto pela última vez, a casa onde ele ficava, na área da fazenda, foi incendiada. Nos escombros não foi encontrado nenhum sinal de que ele estivesse na casa durante o incêndio, conforme informaram funcionários da propriedade.

A partir das informações registradas, a equipe da delegacia de Pontes e Lacerda realizou diversas diligências e apurou se tratar de um homicídio doloso.

Leia Também:  Distribuição de 76,2 mil doses das vacinas CoronaVac e AstraZeneca é definida em Mato Grosso

Nesta terça-feira (06.04) o corpo da vítima foi localizado, já em estado de decomposição enterrado na margem do córrego, a aproximadamente 120 quilômetros da cidade.

Peritos da Politec estiveram no local, junto com a equipe da Polícia Civil, e recolheram os restos mortais que passarão por exames de confronto genético para confirmação da identidade.

Conforme análise preliminar, o corpo apresentava marcas de perfuração de arma cortante.

O delegado Marlon Luz, que acompanhou a remoção do corpo, informou que a Polícia Civil já tem a identificação do suspeito do crime, que está foragido. A delegacia instaurou inquérito para esclarecimento do crime. 

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Comandantes regionais discutem investimentos e redução dos índices de roubos e homicídios

Publicados

em


Comandantes regionais e das unidades da Polícia Militar se reuniram nesta sexta-feira(15.05), no Quartel do Comando Geral, em Cuiabá, para discutir temas como redução dos índices criminais, investimentos em fardamento, armamentos, infraestrutura, padronização de procedimentos, entre outras questões.

Na abertura da reunião, o comandante-geral da PM, coronel Jonildo José de Assis, parabenizou os comandantes regionais pelo empenho nas ações preventivas e de repressão à violência apontando os resultados alcançados. Assis citou como exemplo o aumento na apreensão de drogas, que nos dados gerais passou dos 150%. Já a queda dos índices de homicídios e roubos, de 31% e 24%, em 2019 e 2020, também foi abordada e elogiada pelo comandante.

Ele também salientou o esforço coletivo dentro da instituição para cumprir a missão de prevenir a Covid-19, orientando e fazendo a população entender a necessidade do cumprimento das medidas restritivas.

No caso dos homicídios dolosos, os comandos regionais com maiores percentuais de redução foram: 5º Comando Regional de Barra do Garças, com queda de 31%; 6º Comando Regional de Cáceres, com 24%; e 15º Comando Regional de Peixoto de Azevedo, com 22%.

Leia Também:  Produtor rural aprende técnicas em curso e se prepara para alimentar o gado durante seca

Nos índices de roubos a redução foi maior de 45%, no 3º Comando Regional, com sede em Sinop, seguido do 4º CR de Rondonópolis, onde registrou queda de 38%. Terceiro colocado, o 2º CR de Várzea Grande, computou 36% a menos no número de roubos.

De acordo o com coronel Carlos Eduardo Pinheiro da Silva, subchefe de Estado Maior Pinheiro, esses encontros presenciais ocorrem semestralmente, mas por causa da pandemia vinham sendo realizados de forma virtual.

Esse encontro é o primeiro presencial desde o agravamento dos índices da Covid-19. “São importantíssimos para a troca de informações, avaliação do planejamento e a adoção de novas estratégias de policiamento,conforme as necessidades apresentadas”.

Sobre o fardamento, o coronel Pinheiro explicou que o processo de aquisição pelo Governo do Estado está sendo finalizado, incluindo os destinados para as unidades especializadas. Em breve todos os policiais estarão usando as novas fardas. Além de mais conforto aos policiais, o fardamento instituíra a identidade visual do efetivo.

Os coronéis Assis, Pinheiro e Francyanne entregaram certificados de reconhecimento aos comandantes dos CR’s que contribuíram no resultado de queda dos índices criminais. Receberam os certificados por maior dedução de roubos os comandantes: Wesney Sodré(3º CR), Wendel Sódré(4º CR) e Wankley Rodrigues(2ºCR). Pela queda dos índices de homicídios dolosos os comandantes:  Souza(5º CR), Tapajós (6º CR) e James Ferreira(15ºCR).

Leia Também:  Estudantes e professores afirmam que nova estrutura da E.E. Dr. Mário de Castro é modelo e vai realizar sonhos

 

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA