ESPORTES

Vitória realiza treino tático e cobranças de pênaltis

Publicados

em


O Vitória finalizou a preparação, na  terça-feira (6), para jogar contra o Rio Branco (ES), amanhã, pela 2ª Fase da Copa do Brasil. A partida será às 19 horas, no Barradão, e apontará o time que seguirá para a 3ª Fase.

Pelo regulamento, diferente da 1ª Fase, o empate não beneficia a equipe visitante. Ocorrendo o empate, a decisão da vaga será por meio da cobrança de tiro livre da marca do pênalti.

Precavendo-se para essa possibilidade, o técnico Rodrigo Chagas treinou cobranças de pênaltis com todos os jogadores.

Antes, Chagas comandou um trabalho tático e treinou diversas situações de jogo com o provável time que iniciará o confronto. No fim, deu atenção especial às bolas paradas ofensivas e defensivas.

Finalizadas as atividades no gramado do Barradão, Rodrigo convocou 23 jogadores, que subiram para a chácara Vidigal Guimarães, onde já estão concentrados. O volante João Pedro, expulso no jogo contra o Águia Negra, em Rio Brilhante (MS), pela 1ª Fase, cumprirá suspensão.

“A gente tem que ter um cuidado maior, seja qual for o adversário. Sei que é uma equipe muito técnica, com bastante jogo apoiado, tem à sua frente um treinador alemão e que vem aplicando um bom trabalho. Mas tenho certeza que a gente vai tomar as devidas precauções, estudar bastante o adversário para, se Deus quiser, ter êxito nesse jogo”, afirmou Rodrigo na coletiva ao falar sobre as dificuldades que espera diante do Rio Branco.

  Brasil Pelotas segura os ataques do Vitória fora de casa e conquista ponto com empate

Leia Também:  Bahia derrota o Manaus e avança na Copa Intelbras do Brasil

O trio formado por Guilherme Rend, Fernando Neto e Eduardo, segue o protocolo pós-recuperação de lesões, com corrida em torno dos campos e exercícios na academia de musculação, com a supervisão do fisiologista Rafael Daltro.

Wesley e Caíque Souza estão na fase de recondicionamento com o preparador físico Rodrigo Santana.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Goiás é superado pelo Vila Nova pelo Campeonato Goiano

Publicados

em


Na tarde deste domingo (11) o Goiás foi até o estádio Onésio Brasileiro Alvarenga enfrentar o Vila Nova F.C., em partida válida pela 8° rodada da primeira fase do estadual 2021.


No primeiro tempo o Goiás teve chances com David Duarte de cabeça na grande área e o lateral Ivan em cobrança de falta, mas o adversário abriu o placar e saiu em vantagem para o intervalo.

Na segunda etapa, logo aos 3 minutos, o zagueiro Fábio Sanches derrubou o adversário fora da área, mas árbitro Wilton Pereira errou e anotou falta dentro da área, no campeonato Goiano não existe o auxilio da tecnologia do V.A.R., apesar da reclamação dos jogadores do Goiás, o arbitro marcou o pênalti, que foi convertido pelo Vila Nova.

O treinador Augusto César, ainda promoveu alterações no verde: aos 14 minutos, o meia atacante Índio entrou no lugar do volante Nathan, atacante Sandrinho substituiu o ala Jefferson, depois aos 30 minutos o volante Henrique Lordelo entrou na vaga do meia atacante Gustavinho.

Aos 43 minutos o meia Miguel Figueira lançou o atacante Sandrinho, que entrou em velocidade na área, fintou o adversário e foi derrubado, pênalti para o Goiás! O atacante Vinícius Lopes, pegou a bola e cobrou bonito deslocando o goleiro adversário, anotando seu quarto gol nos últimos três jogos, e diminuindo o placar para o verde. Vila Nova 2 x 1 Goiás.

  Em partida movimentada Goiás vence o Santos de virada na Vila Belmiro

Leia Também:  Tricolor goleia o São Caetano na retomada do Paulistão

Após diminuir o placar, a jovem equipe do Goiás ainda buscou o ataque, mas o verde acabou sendo derrotado na partida, válida pela 8° rodada do Goianão 2021.


Fotos: Rosiron Rodrigues | Goiás E.C.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA