ESPORTES

Galo treina para a 1ª de dez finais na reta final do Brasileirão

Publicados

em


Com dez jogos restantes no Campeonato Brasileiro, o Atlético promete encarar todas essas partidas como finais para ganhar força na luta pelo título.
“São dez jogos, dez decisões para que a gente possa fazer o maior número possível de pontos e consiga, ainda, buscar esse título que é tão sonhado não só pelo torcedor atleticano, mas pelos jogadores também”, afirma o goleiro Everson.
A série de finais começa neste domingo, contra o Atlético-GO, em Belo Horizonte. A partida será realizada às 18h15, no Mineirão.
“Dentro ou fora de casa, a gente sempre busca a vitória, temos essa metodologia de trabalho, de jogo. Poderíamos ter encurtado essa distância do líder em três pontos, mas, infelizmente, conseguimos encurtar em apenas um ponto, ainda com uma rodada a menos na competição. Cabe a nós focar. As equipes de cima acabaram não tendo as vitórias e esses dez últimos jogos são muito difíceis porque cada equipe tem a sua pretensão. Cabe a nós trabalhar para fazer o maior número possível de vitórias e brigar lá em cima pelo título”, destaca o arqueiro atleticano.
A preparação para o confronto com a equipe goiana teve início na manhã desta quarta-feira, com treinamento na Cidade do Galo.
Everson completa avaliando que o time fez um bom jogo no empate por 2 a 2 com o Red Bull Bragantino, na última segunda-feira (11), em Bragança Paulista.
“Fizemos partidas melhores dentro do Campeonato Brasileiro, mas essa partida contra o Red Bull também não foi ruim. Tivemos o controle do jogo e, infelizmente, acabamos tomando dois gols, o que acabou dificultando que a gente pudesse buscar a vitória. Mas enfrentamos uma equipe qualificada, que cinco dias antes tinha ganhado do líder da competição. A gente sempre conversa e

  Palmeiras derrota o Bahia de 3 a 0 e sobe na tabela

Leia Também:  Avaí e Vitória empatam de 2 a 2 pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Paraná é derrotado para o Sampaio e fica em situação complicada na tabela

Publicados

em


Na noite de sexta-feira (15), o Paraná Clube foi até São Luís (MA) e foi derrotado para o Sampaio Correa por 2 a 1. O Tricolor está na 18º colocação com 36 pontos e na próxima terça-feira (19), tem um confronto muito importante contra o Cuiabá, às 21h30, na Vila Capanema.

Durante toda a partida o Paraná Clube finalizou 16 vezes e o adversário apenas quatro. As principais oportunidades do time paranista foram criadas no primeira etapa, mas a bola não entrou.

O Tricolor começou melhor o jogo, a primeira chance foi de bola parada, Jean Victor lançou para a área e o atacante Bruno Lopes de cabeça mandou para fora. Aos 11 minutos, Thiago Alves finalizou de longe e a bola passou muito perto. Aos 15 minutos o time da casa abriu o placar – 1×0.

O Tricolor teve outra boa oportunidade com Bruno Lopes. Karl cruzou da direita, o centroavante cabeceou, o goleiro adversário fez a defesa. Na primeira etapa, o time paranista finalizou dez vezes, mas faltou pontaria.

Na volta para o segundo tempo, o Tricolor voltou com a mesma postura. A primeira oportunidade foi na batida de falta do zagueiro Fabrício, o goleiro Gustavo fez ótima defesa. Pouco tempo depois, Bruno Lopes fez bom drible dentro da área e a bola bateu na mão do jogador adversário, mas a arbitragem não marcou penalidade.

  Cruzeiro entrega o jogo e perde de 2 a 1 para o Sampaio Corrêa

Leia Também:  Palmeiras passa sufoco e perde de 2 a 0, mas permanece na final da Libertadores

Aos 19 minutos, após erro na saída de bola, o adversário ampliou o placar – 2×0. O Tricolor até descontou com Bruno Lopes, mas não foi suficiente, final de jogo – 2×1.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA