ESPORTES

Cria do terrão alvinegro, Jô completa 34 anos de idade neste sábado (20)

Publicados

em


  Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Jogador mais jovem na história a atuar pelo Corinthians em um jogo oficial, e também a marcar gol pelo clube, Jô faz aniversário neste sábado (20). O atacante do Timão, que atualmente vive a sua terceira passagem no Timão completa 34 anos de idade.

João Alves de Assis Silva nasceu em 1987 e foi revelado nas categorias de base do Alvinegro, depois de sair do futsal corinthiano. A ascensão meteórica de Jô ao time profissional, por sua vez, começou no dia 19 de julho de 2003. Nessa data, o atacante – então com 16 anos, três meses e 29 dias – saiu do juvenil para ser um dos relacionados do profissional para o jogo contra o Guarani, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro.

A partida terminou 1 a 0 para o Timão, sem gol de Jô. Porém, o atacante não demoraria para balançar as redes como profissional do Corinthians. Exatos 35 dias depois, no dia 24 de agosto de 2003, Jô voltou a entrar durante a partida, no confronto contra o Internacional, e marcou o terceiro gol da vitória por 3 a 1 no Pacaembu. Assim, também se tornou o jogador mais jovem a estufar as redes pelo Corinthians, com 16 anos, quatro meses e quatro dias.

  Alex Meschini é apresentado aos jogadores do Sub-17 e Sub-20

Leia Também:  Sábado tem repescagem para pessoas com mais de 33 anos que não tomaram a primeira dose

A primeira passagem de Jô no Corinthians durou até 2005, quando o jogador fez parte do grupo que conquistou o tetracampeonato brasileiro. Após o título, o jogador se transferiu para o CSKA Moscou (RUS). De 2006 a 2016, Jô passou por times da Europa e do Brasil, chegou à Seleção Brasileira e disputou a Copa do Mundo de 2014, em solo brasileiro. E no final de 2016 o atacante acertou o retorno ao Corinthians.

A reestreia do atleta revelado no terrão alvinegro só aconteceu na temporada 2017. Jô marcou quatro gols em 15 jogos, incluindo dois que deram duas vitórias em clássicos para o Timão: 1 a 0 sobre o Palmeiras e 1 a 0 sobre o Santos, pelo Paulistão 2017, na Arena Corinthians. Em seguida, foi um dos responsáveis pela conquista do título do estadual e do Brasileirão naquele ano.

Jô voltou a deixar o Timão ao final daquele ano, sendo negociado com o futebol japonês. E após duas temporadas, retornou no primeiro semestre de 2020 em meio à paralisação do futebol ocorrida entre março e junho. Assim, foi inscrito para disputar o Paulistão, onde fez sua reestreia. Até a presente data, realizou 217 jogos e 52 gols com a camisa corinthiana.

  Após três jogos neutros, Corinthians volta a marcar gol e vence Coritiba

Leia Também:  Flamengo goleia o São Paulo por 5 a 1, de virada, pelo Brasileirão

O Sport Club Corinthians Paulista deseja um feliz aniversário para Jô!

COMENTE ABAIXO:

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

#FilhosdoTerrão marcam e Corinthians supera o Cuiabá fora de casa pelo Brasileirão

Publicados

em


Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians
Após nove dias sem jogar, o Corinthians voltou a entrar em campo na noite desta segunda-feira (26). Pelo Campeonato Brasileiro da Série A 2021, o Alvinegro foi até o Mato Grosso para encarar o Cuiabá – a última vez que enfrentou uma equipe local no estado do Centro-oeste pelo torneio havia sido em 1984. E dentro de campo, os Filhos do Terrão se destacaram: vitória corinthiana por 2 a 1, com gols de Roni e Adson.

Timão escalado

O técnico Sylvinho realizou uma mudança em comparação com a equipe que iniciou a última partida pelo Brasileiro. Assim, levou a campo um onze inicial com: Cássio (capitão); Fagner, João Victor, Gil, Fábio Santos; Cantillo, Gabriel, Roni, Gustavo Silva e Adson; Jô. À disposição no banco de reservas estiveram: Matheus Donelli, Lucas Piton, Luan, Léo Natel, Marquinhos, Mateus Vital, Araos, Felipe, Raul Gustavo, Du Queiroz, Xavier e Vitinho.

Bola em jogo!

As duas equipes iniciaram o confronto se estudando e com muitas disputas de bola no centro do campo. A primeira chance do Timão veio aos três minutos de jogo. Em cobrança de escanteio da direita na área, João Victor subiu para cabecear, mas a bola bateu no zagueiro e foi para o gol, passando perto do travessão. Aos nove, Fábio Santos lançou pela esquerda o meia Adson, que avançou e cruzou rasteiro, mas a zaga afastou antes da bola chegar a Jô.
Pouco a pouco o Coringão começou a dominar a posse de bola e trocar passes no campo ofensivo. Aos 18 minutos, Adson e Roni tabelaram e novamente o meia tentou o passe rasteiro para a área, com o lance sendo desviado pela zaga. E aos 27, o Alvinegro abriu o placar em bela jogada: Gabriel foi lançado na direita e tocou para Jô. O centroavante cruzou para Adson e ele ajeitou para Roni, que chutou rasteiro no canto esquerdo do gol e estufou a rede.
O Corinthians seguiu atacando e pressionando o Cuiabá no campo de ataque. E com essa ação, saiu o segundo tento alvinegro aos 37 minutos. Gustavo Silva roubou a bola de Uendel e tocou para Fagner que cruzou na área. Roni deixou a bola passar e ela chegou até Adson, que dominou e chutou – com leve desvio do zagueiro – para o fundo do gol. Foi a última ocasião importante de gol da primeira etapa, terminada aos 52 minutos.

Segundo tempo

Sem alterações no retorno do intervalo, a equipe corinthiana seguiu no mesmo tom no começo da etapa final, dominando a posse de bola e criando a maior parte das jogadas ofensivas. Gustavo Silva e Adson continuaram sendo bastante acionados pelas laterais, mas esbarrando na linha de defesa alta do adversário e nas marcações de impedimento.
Aos 18 minutos, quase saiu o terceiro tento de um Filho do Terrão. Em rebote de escanteio, Fagner lançou Jô na área em profundidade e o camisa 77 chutou de perna direita, marcando o gol. O árbitro, no entanto, assinalou impedimento do atacante. Logo em seguida, o técnico Sylvinho fez duas substituições: saíram Adson e Cantillo, e entraram Mateus Vital e Vitinho. Quatro minutos depois, Gustavo Silva deixou o campo e Marquinhos foi para o jogo.
Aos 25 minutos, o time adversário diminuiu o marcador. Em cruzamento na área da esquerda para Rafael Papagaio, o atacante cabeceou e a bola desviou em Fábio Santos, encobrindo Cássio e entrando no ângulo direito do gol. Aos 33 minutos, Roni puxou contra-ataque pela direita e tocou para Vital na esquerda. O meia dominou, driblou a marcação e chutou, mas a bola ficou na zaga.
Sylvinho realizou, por fim, mais duas mudanças na equipe: saíram Roni e Jô e entraram Xavier e Felipe. O Timão, no entanto, seguiu levando o jogo com tranquilidade. O árbitro aplicou quatro minutos de acréscimos, e no final da partida o Timão ficou com um atleta a mais, com a expulsão de Anderson Conceição, zagueiro do Cuiabá, e pouco depois o apito final encerrou o duelo desta noite na Arena Pantanal.

Próximo jogo

Após a vitória sobre o Cuiabá, o Corinthians volta a campo no domingo (1º de agosto). Pela 14ª rodada do Brasileirão, a equipe alvinegra atua em sua casa, a Neo Química Arena, onde encara o Flamengo às 16h.

  No Morumbi, São Paulo empata com a Chape pelo Brasileirão

Leia Também:  Flamengo goleia o São Paulo por 5 a 1, de virada, pelo Brasileirão

Tags: Futebol, Notícias

Categoria(s): Futebol

Fonte: https://www.corinthians.com.br/filhosdoterrao-marcam-e-corinthians-supera-o-cuiaba-fora-de-casa-pelo-brasileirao

COMENTE ABAIXO:

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA