ESPORTES

Corinthians vence Vasco e mantém invencibilidade de 10 anos

Publicados

em


O Corinthians derrotou o Vasco por 2 a 1, nesta quarta-feira (21) no estádio de São Januário, em jogo que abriu a 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com este triunfo, a equipe do Parque São Jorge manteve uma invencibilidade de 10 anos para a equipe carioca.

Além disso, o Corinthians chegou a 19 jogos sem perder para o Vasco, que com este revés não triunfa há sete rodadas do Brasileiro.

Desfalque de última hora

Na sua estreia pelo Vasco, o técnico português Ricardo Sá Pinto teve um problema de última hora, o atacante argentino Cano sentiu a coxa no aquecimento e ficou de fora do confronto. O time já não contava com o meia Benítez, que também sentiu uma lesão no decorrer do dia.

Mesmo jogando fora de casa, o time paulista começou melhor o confronto, e conseguiu abrir o marcador logo aos 22 minutos do primeiro tempo, quando o equatoriano Cazares puxou contra-ataque e lançou Gustavo Mantuan. Diante do goleiro Fernando Miguel o garoto bateu com muita categoria, de primeira, para marcar pela primeira vez como profissional.

Com a desvantagem no marcador o Vasco vai com tudo para o ataque na etapa final. E a mudança de postura dá certo aos 26 minutos, quando Talles bate cruzado e Ribamar aproveita para finalizar de letra, mesmo marcado por Gil, para fazer um golaço.

Leia Também:  Vinícius Popó reforça o ataque do Sport

E quando tudo parecia indicar que o confronto terminaria em 1 a 1, o Corinthians marcou o gol da vitória aos 44 minutos com Everaldo. O atacante cruzou, mas a bola desviou em Henrique e encobriu o goleiro Fernando Miguel.

Com este triunfo, o Corinthians chega à 10ª posição com 21 pontos, enquanto o Vasco fica na 16ª com 18.

Veja a classificação atualizada da Série A do Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Desfalcado na zaga, Bahia volta a ter defesa mais vazada do Brasileirão

Publicados

em


A derrota por 4 a 0 para o Bragantino para o Bragantino, na última sexta-feira, fez o Bahia chegar a 34 gols sofridos no Brasileirão e retomar o posto de defesa mais vazada, agora ao lado do Goiás, lanterna da competição. Vale lembrar que a 22ª rodada ainda está em andamento e muitas equipes têm jogos a menos.

Antes da chegada de Mano Menezes, o Bahia tinha disputado oito jogos no Brasileirão, com 14 gols sofridos e média de 1,72 por partida. Em apenas um jogo não sofreu gols e vinha de amargas derrotas, entre elas um 5 a 3 para o Flamengo, em Pituaçu.

  Bahia se reapresenta e inicia preparação para partida contra o Fortaleza

Leia Também:  Luiz Adriano desfalca o Palmeiras na Libertadores após sofrer lesão

Com o treinador, no Brasileirão, o Tricolor fez 14 partidas e sofreu 20 gols, o que significa média de 1,42 por jogo. Destas partidas, ficou sem ser vazado em duas delas.

Para piorar a situação, Mano tem convivido com desfalques e poucos zagueiros à disposição. Juninho, Anderson Martins, Lucas Fonseca e Ernando são os quatro zagueiros do elenco profissional utilizados. Lucas, porém, está machucado e Ernando em fase final de recuperação de lesão. O segundo, inclusive, pode pintar no jogo desta terça, contra o Unión Santa Fé, pela Copa Sul-Americana.

E, no seu próximo compromisso, o treinador vai precisar ter uma defesa afinada já que, na Sul-Americana, há o critério de gol qualificado. A partida contra o Unión Santa Fe está marcada para esta terça-feira, às 19h15, na Arena Fonte Nova.

 

COMENTE ABAIXO:

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA