ENTRETENIMENTO

No grupo de risco do coronavírus, Nani Venâncio deve voltar à TV em setembro

Publicados

em


source
Nani Venâncio
Reprodução/Instagram

Nani Venâncio


Morando no interior de São Paulo desde o início da pandemia, Nani Venâncio, de 51 anos, deve voltar ao ar no comando do diário “A Tarde É Show”, da RBTV — Rede Brasil de Televisão, a partir de setembro. Em bate-papo exclusivo com o iG Gente, a apresentadora, que até hoje é lembrada por causa da abertura da icônica novela “Pantanal”, da extinta TV Manchete, contou que está temporariamente afastada da atração por fazer parte do grupo de risco, e que terá uma nova reunião com a emissora entre 15 e 20 de agosto para definir seus próximos passos. “Vou a São Paulo pouquíssimas vezes para resolver questões que não consigo administrar apenas por telefone”, disse ela, mostrando-se assustada com a forma como o vírus está se alastrando pelo mundo.

Ex-colega de emissora de Alessandra Scatena, Nani também não escondeu a tristeza ao saber da morte de Rogério Gherbali, nesta quinta-feira (30), aos 56 anos, após complicações da Covid-19: “Deixei recado para a Alê no WhatsApp, porque fiquei muito sentida com a notícia. O Rogério era muito querido, e eles formavam uma família linda. Minha oração é para que Deus cuide de todos com muito amor e carinho”. A famosa ex-assistente de palco de Gugu Liberato estava casada com o empresário há 23 anos. Juntos, tiveram dois filhos: Enrico, de 16 anos, e Estéfano, de 9.

Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ENTRETENIMENTO

Diego, da dupla com Henrique, se emociona ao falar da internação da mãe

Publicados

em


source
Diego%2C que faz dupla com Henrique
Divulgação/Smoke

Diego, que faz dupla com Henrique


Após ter ficado em coma por causa da Covid-19, Marizete Barros Lima, mãe do Diego, que forma dupla com Henrique, está curada. De acordo com o artista, tudo começou no final de maio, quando seus pais ligaram dizendo que estavam com sintomas da doença. “Pedi para que procurassem um médico e fizessem os testes. Mas, chegando lá, os dois ficaram internados. Meu pai evoluiu muito bem com as medicações e, no décimo segundo dia, teve alta, já ela não apresentou evolução. Pelo contrário, foi piorando, até que chegou ao ponto de ser levada para a UTI com 75% dos pulmões comprometidos”, relembrou o cantor, ressaltando o seu sentimento de impotência, já que estava a mais de 700 km de distância, sem poder ir vê-los. “Recebia poucas notícias, pois o hospital só emitia um laudo por dia”, argumentou.

Henrique e Diego
Divulgação/Smoke

Henrique e Diego


Assim como diz um dos trechos da letra de “O Bêbado e o Equilibrista”, de Elis Regina,  “o show tem que continuar”, e Diego focou a primeira live. “Decidimos dar continuidade ao projeto, mesmo sabendo que, a qualquer momento, poderíamos ter uma informação não tão boa assim, mas ela queria tanto que fizéssemos que tirei força de onde já não tinha. Por um milagre de Deus, no dia 21 de junho, bem na data da apresentação, recebi a melhor notícia da vida: minha mãe havia saído do coma. Nesse momento, senti um alívio tão grande que a única coisa que passava pela cabeça era: ‘Deus teve misericórdia, e todas as nossas preces foram atendidas’. Ajoelhei e agradeci ali mesmo, ao vivo. Henrique também se emocionou e agradeceu junto comigo esse milagre”, relatou o sertanejo. Uma semana depois, porém, Marizete saiu da UTI, foi para o quarto e, em seguida, para casa.

Leia Também:  Grupos de risco terão prioridade em vacinação contra covid, prevê projeto
Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLÍCIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA