ENTRETENIMENTO

Diego, da dupla com Henrique, se emociona ao falar da internação da mãe

Publicados

em


source
Diego%2C que faz dupla com Henrique
Divulgação/Smoke

Diego, que faz dupla com Henrique


Após ter ficado em coma por causa da Covid-19, Marizete Barros Lima, mãe do Diego, que forma dupla com Henrique, está curada. De acordo com o artista, tudo começou no final de maio, quando seus pais ligaram dizendo que estavam com sintomas da doença. “Pedi para que procurassem um médico e fizessem os testes. Mas, chegando lá, os dois ficaram internados. Meu pai evoluiu muito bem com as medicações e, no décimo segundo dia, teve alta, já ela não apresentou evolução. Pelo contrário, foi piorando, até que chegou ao ponto de ser levada para a UTI com 75% dos pulmões comprometidos”, relembrou o cantor, ressaltando o seu sentimento de impotência, já que estava a mais de 700 km de distância, sem poder ir vê-los. “Recebia poucas notícias, pois o hospital só emitia um laudo por dia”, argumentou.

Henrique e Diego
Divulgação/Smoke

Henrique e Diego


Assim como diz um dos trechos da letra de “O Bêbado e o Equilibrista”, de Elis Regina,  “o show tem que continuar”, e Diego focou a primeira live. “Decidimos dar continuidade ao projeto, mesmo sabendo que, a qualquer momento, poderíamos ter uma informação não tão boa assim, mas ela queria tanto que fizéssemos que tirei força de onde já não tinha. Por um milagre de Deus, no dia 21 de junho, bem na data da apresentação, recebi a melhor notícia da vida: minha mãe havia saído do coma. Nesse momento, senti um alívio tão grande que a única coisa que passava pela cabeça era: ‘Deus teve misericórdia, e todas as nossas preces foram atendidas’. Ajoelhei e agradeci ali mesmo, ao vivo. Henrique também se emocionou e agradeceu junto comigo esse milagre”, relatou o sertanejo. Uma semana depois, porém, Marizete saiu da UTI, foi para o quarto e, em seguida, para casa.

Leia Também:  10 curiosidades que você talvez não saiba sobre Jojo Todynho
Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ENTRETENIMENTO

Ator mirim de “Pantanal” vira alpinista industrial e ainda sonha em atuar

Publicados

em


source

A vida de Renan Cabizuca mudou muito desde que ele participou da novela “Pantanal”, sucesso da TV Manchete exibido originalmente em 1990. Na época, ele tinha apenas 5 anos e interpretou Joventino, que na segunda fase da trama foi vivido por Marcos Winter. Ele não conseguiu se manter na profissão e precisou mudar de área, mas sonha em ter uma nova oportunidade aos 35 anos.

Renan Cabizuca na época de
Reprodução

Renan Cabizuca na época de “Pantanal” e atualmente

Uma das lembranças mais fortes de Renan foi do medo que teve de jogar um suco no ator José de Abreu. Na cena, ele tinha ciúmes da mãe com o padrasto. “Eu disse para todo mundo que tinha medo do José de Abreu chamar a polícia para mim (risos). As pessoas no set me tranquilizaram, mas dá para ver que eu joguei e saí correndo, como a cena pedia, mas porque estava realmente assustado”, disse Renan em entrevista ao jornal Extra.


O ex-ator mirim foi parar na TV após a mãe pedir para uma produtora de elenco. Ele não era a primeira opção, mas a criança escolhida para o papel não se adaptou e precisou ser substituída. “Eu era um bebezão carismático pra caramba. Ia no colo de todo mundo, batia papo. Tenho fotos com praticamente todo o elenco. Depois, fiz um comercial de um parque de diversões no Rio, tentei fazer cursos de teatro em dois momentos distintos, aos oito anos e aos 15, mas foi ficando caro e longe para dar continuidade.”

Nova profissão

Com as dificuldades em seguir na carreira artística, Renan investiu em outra área. Ele se tornou alpinista industrial, ou seja, faz manutenção em prédios e navios só que nas alturas. O ex-ator abriu sua própria empresa com um sócio, mas ainda pensa em atuar.

“Não tenho medo de altura, pelo contrário. Como sou certificado internacionalmente, posso pendurar de rapel em qualquer lugar do mundo (risos). Atuar está um pouco distante agora. Gostaria muito de voltar um dia e sei que se tiver oportunidade me dedicaria muito. Só que antes disso, tenho outras prioridades, como família, educação dos filhos, não dá para parar tudo e investir nesse luxo”, contou Renan que é casado e tem filhos.

Leia Também:  Dupla é conduzida à delegacia para explicar procedência de venda de cartelas de bingo beneficente
Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA