CARROS E MOTOS

Veja 5 modelos híbridos seminovos para comprar em 2020

Publicados

em


source

No começo do ano, as vendas de carros híbridos e elétricos registraram crescimento de 320% no Brasil, na comparação com o início de 2019. O responsável por impulsionar este número é o Toyota Corolla híbrido, modelo que em outubro de 2020 já concentra 25% dos emplacamentos do sedã médio por aqui. 

Até o fim da década, há a expectativa de que o Brasil tenha uma frota considerável de veículos híbridos . Mas como a categoria ainda é cara e inacessível para a maioria da população, o jeito é apostar nos seminovos que já estão disponíveis no mercado.

Partindo disso, a reportagem do iG Carros lista cinco sugestões de carros híbridos legais e econômicos disponíveis nos classificados online de seminovos do Brasil. Acompanhe.

1 – Lexus CT 200h 2017 – entre R$ 85 mil e R$ 90 mil

Lexus CT 200 h
Divulgação

Lexus CT 200h tem valor bem convidativo no mercado dos hatches híbridos seminovos

Na cena dos veículos híbridos, o CT 200h da Lexus é conhecido como o “Prius de gravata”. O modelo aposta na esportividade, tecnologia e a boa posição para dirigir, cativando um público específico que A3, Série 1 e Classe A não conseguem atingir. O hatch médio eletrificado já pode ser encontrado na internet pelo preço médio de R$ 88 mil.

Ele traz o confiável 1.8 a gasolina do Prius (com 99 cv de potência), junto de outra unidade elétrica que gera a força combinada de 136 cv..Por conta do ciclo Atkinson, o conjunto retarda ao máximo o fechamento das válvulas de admissão, reduzindo o esforço do pistão para chegar ao seu ponto mais alto. Dessa forma, o Inmetro diz que o CT200h é capaz de aferir números como 15,7 km/l na cidade – onde se sente mais confortável – e honestos 14,2 km/l na estrada.

Leia Também:  Já pensou em alugar um celular em vez de comprar? Entenda se o modelo compensa

2 – Mitsubishi Outlander PHEV 2016 – a partir de R$ 137 mil

Mitsubishi Outlander PHEV
Divulgação

Mitsubishi Outlander PHEV: destaque de vendas na Inglaterra também está disponível no Brasil

Eis o modelo de maior destaque na categoria dos carros híbridos na Inglaterra. O Mitsubishi Outlander PHEV supera por muito as vendas do BMW 330e na Terra da Rainha, e tem tudo para ser o seu primeiro SUV híbrido. O utilitário eletrificado já pode ser encontrado por R$ 137 mil nos sites de vendas de carros.

O Outlander CVT híbrido possui três motores. A unidade 2.0 que bebe combustível fóssil abaixo do capô desenvolve 121 cv de potência, trabalhando em conjunto com outros dois propulsores elétricos de 82 cv (dianteiro e traseiro). Neste caso, a potência combinada é de 285 cv, conforme fabricante. Através do sistema de regeneração, o Outlander híbrido ignora os 1.810 kg de seu corpanzil e marca 12 km/l na cidade e 13 km/l na estrada. Números de modelos compactos, conforme o Inmetro.

3 – Toyota Corolla Altis Hybrid 2020 – a partir de R$ 128 mil

Toyota Corolla Hybrid
Carlos Guimarães/iG

Toyota Corolla Hybrid é o modelo eletrificado mais vendido do Brasil

Já é possível adquirir as versões 2019/2020 do Toyota Corolla Altis híbrido no mercado de seminovos. O modelo já pode ser encontrado na faixa de R$ 128 mil; bem menos do que os R$ 138 mil que a Toyota pede no modelo 2021.

Leia Também:  Veja 5 versões do Chevrolet Kadett que não tivemos no Brasil

Ao todo, o Corolla híbrido tem três motores: um a combustão e dois elétricos. A maior parte de sua força vem do 1.8 de 101 cv de potência e 14,5 kgfm de torque. Já os motores elétricos têm a potência combinada de 72 cv e 16 kgfm de torque. O consumo urbano fica na faixa de 17 km/l.

4 – Porsche Cayenne S E-Hybrid 2017 – entre R$ 330 mil e R$ 350 mil

Cayenne
Renato Maia/Falando de Carro

Porsche Cayenne híbrido é o primeiro de uma grande família de produtos eletrificados da marca alemã

Eis um carro de respeito para quem deseja desembolsar uma fortuna em um SUV híbrido. O Porsche Cayenne foi o primeiro modelo eletrificado da fabricante alemã, abrindo caminho para uma gama de produtos que também conta com Panamera e Taycan.

O conjunto mecânico é respeitável entre os híbridos seminovos: 3.0 V6 de 333 cv de potência, com um motor elétrico que eleva sua força combinada para estrondosos 416 cv. A aceleração de 0 a 100 km/h acontece em abruptos 5,9 segundos, com 246 km/h de velocidade máxima. Seu consumo marca 12,1 km/l na cidade e 12,2 km/l na estrada, conforme o Inmetro.

5 – Mini Countryman ALL4 TOP Hybrid 2018 – a partir de R$ 180 mil

Mini Countryman híbrido
Carlos Guimarães/iG

Mini Countryman é o SUV híbrido mais descolado que você pode adquirir no Brasil

Terminamos a lista com um modelo que foi recentemente renovado – logo, seu preço no mercado de seminovos está mais convidativo. Se você não tem R$ 230 mil para investir em um Mini Countryman híbrido 2021, basta comprar o modelo mais completo do ano de 2018 por R$ 180 mil.

O motor 1.5 do Countryman híbrido funciona em conjunto com um propulsor elétrico. A potência combinada é de 224 cv, com torque na faixa de 37 kgfm. O câmbio automático de seis marchas distribui sua força nas quatro rodas.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CARROS E MOTOS

Detalhes do novo Honda City hatch são revelados em vazamento

Publicados

em


source
Honda City Hatch
Reprodução/Indian Autos Blog

Honda City hatch terá motor turbo de 120 cv de potência e transmissão automática do tipo CVT

O Honda City hatchback foi visto em testes na Tailândia no começo do ano, mas a camuflagem pesada não permitiu conhecer muito de seu design. Agora, o modelo surge pela primeira vez em um vazamento na internet, publicado pelo site Indian Autos Blog.

A dianteira segue a mesma linguagem visual do Honda City renovado que já é vendido na Ásia, com faróis em LED e grade frontal cromada. A traseira chama atenção, por lembrar bastante do Fiat Argo brasileiro, com lanternas que invadem a tampa do porta-malas. A versão hatch também terá seis airbags, ar-condicionado digital, piloto automático, central multimídia de oito polegadas.

Honda City 2021
Divulgação

A dianteira do novo Honda City hatch será a mesma do sedã, mostrado na imagem acima

Segundo a imprensa tailandesa, o City hatch terá três versões com motor 1.0 turbo de três cilindros, desenvolvendo 120 cv de potência e 17 kgfm de torque. O câmbio será automático do tipo CVT, assim como o sedã, com opção de trocas de marcha pelas aletas atrás do volante multifuncional. 

Leia Também:  Veja 5 formas de reutilização dos pneus após o fim da sua vida útil

Até o momento, o Honda City hatchback foi confirmado apenas na Tailândia, mas deverá chegar em breve nos mercados em que a fabricante japonesa já disponibiliza a nova geração do sedã, como a Índia. No Brasil, o sedã deverá chegar apenas em 2021, com produção em Sumaré (SP), ao lado de Civic e HR-V. No Brasil, o City hatch deverá se tornar o carro mais em conta da marca, entre o fim do ano que vem e o início de 2022.

Será que vem?

Brio
Divulgação

O novo Honda Brio foi registrado no Brasil no ano passado, mas seu lançamento é improvável

Apesar do preço compatível com os hatches compactos do mercado brasileiro, a Honda não entende que o Fit é concorrente direto de Chevrolet Onix , Fiat Argo e Toyota Yaris . O posicionamento fica bem claro nos dados da Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos), onde a fabricante japonesa enquadra o Fit como “minivan”. Será do City hatch a missão de enfrentar os hatches compactos no Brasil.

Logo, há uma lacuna de mercado que permite o lançamento de um hatchback da Honda no Brasil. Um dos candidatos é o Brio , modelo compacto que já foi registrado pela fabricante no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial) em 2019.

Leia Também:  Já pensou em alugar um celular em vez de comprar? Entenda se o modelo compensa

Pelas proporções, ele seria um rival para os subcompactos Fiat Mobi e VW Up!, cujas vendas estão em baixa no País. Portanto, o Brio continua longe do Brasil, onde o modelo de entrada da Honda deverá ser o City hatch.

Fonte: Indian Autos Blog

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA