CARROS E MOTOS

McLaren Senna GTR vira kit Lego Technic com 830 peças

Publicados

em


source
McLaren Senna GTR
Divulgação

McLaren Senna GTR vira kit da linha Lego Technic com 830 peças de montar com detalhes iguais ao do modelo original


A Lego e a fabricante britânica McLaren anunciam o lançamento de um kit do supercarro Senna GTR. Com 830 peças, faz parte da linha Technic, a mais tecnológica da fabricante dinamarquesa de brinquedos, que se caracteriza pela presença de uma série de componentes funcionais.


Voltado para pessoas com mais de 10 anos de idade, o McLaren Senna GTR é o primeiro modelo da marca britânica a ganhar um kit da linha Technic. Com 32 cm de comprimento, traz portas que se abrem e um sistema de direção funcional, além de um motor V8 com pistões que se movimentam como no carro de verdade, mas sem combustão.

Leia Também:  Carro de brinquedo da Bugatti chega aos EUA com preço de Audi TT RS

O lançamento global do kit acontece em 1º de janeiro de 2021. Este não é o primeiro kit desenvolvido em parceria pelas duas empresas, que já deu origem a miniaturas dos modelos P1 , 720S e Senna , da linha Speed Champions.

Senna GTR real


Revelado como conceito no Salão de Genebra (Suíça), em março de 2018, o McLaren Senna GTR é uma variação do Senna voltada apenas para uso em pista. Com produção limitada a apenas 75 unidades, foi criada sem as amarras das regras para a homologação para uso em vias públicas. De acordo com os números da fabricante o supercarro acelera de 0 a 100 km/h em 2,5 segundos e pode atingir 337 km/h.

Isso faz do McLaren Senna GTR um carro de competição puro, sem airbags e itens como uma central multimídia. Além de um pacote aerodinâmico exclusivo, que fornece 1.000 kg de pressão aerodinâmica, o GTR real traz um motor 4.0 V8, de 825 cv, que funciona em conjunto com o câmbio automatizado de dupla embreagem, projetado para uso em competições, além de um conjunto de suspensão revisto.

Leia Também:  Contran divulga prazo para renovar CNH vencida na pandemia
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CARROS E MOTOS

Jeep Renegade ganha opção de engate embutido no para-choque

Publicados

em


source
Jeep Renegade
Divulgação

Engate para Jeep Renegade que faz parte dos acessórios da Mopar e custa R$ 1.650 já incluindo o custo da instalação, mas sem a fiação elétrica


A Jeep passa a oferecer para o Renegade vendido no Brasil a opção de um engate integrado ao para-choque traseiro. Desenvolvido em parceria com a empresa de acessórios Anexo Automotiva, o equipamento faz parte da linha de itens originais Mopar e pode ser adquirido e instalado nas concessionárias da marca em todo o País.


O engate Mopar é feito em aço especial de alta resistência e pode ser instalado em qualquer versão do SUV compacto produzida desde o seu lançamento no Brasil, em 2015. Para a sua colocação, o para-choque do Renegade é recortado e tem a sua alma de aço original substituída pela nova peça, também homologada pelo fabricante e que já traz o engate incorporado. Para completar, o kit inclui ainda uma moldura plástica decorativa, que se integra ao restante do conjunto e dá a impressão de um item saído de fábrica.

Leia Também:  Veja 5 formas de reutilização dos pneus após o fim da sua vida útil

Com a ponteira removível, o novo modelo de engate pesa 13 kg e é capaz de rebocar até 400 kg. Ainda segundo a Jeep , diferente de alguns engates similares, o produto da Mopar não afeta o vão-livre para o solo e nem o ângulo de saída do veículo. O preço sugerido para o acessório é de R$ 1.650, valor que já inclui a colocação de todos os componentes metálicos. A instalção do chicote e módulo para no sistema elétrico do veículo são cobrados separadamente.


O processo de instalação leva aproximadamente 90 minutos e não afeta a garantia do veículo. Futuramente, já está nos planos da Jeep que o acessório possa ser adquirido pelo comprador do Renegade no ato da compra do carro, para que toda a instalação do engate seja feito dentro da fábrica. Processo que já pode ser executado com outros acessórios da linha Mopar .

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA