RONDONÓPOLIS

CARROS E MOTOS

Audi A3: ouça no podcast qual será o novo posicionamento do carro no Brasil

Publicados

em


source
Audi A3 ficou passa a ter estilo  mais arrojado e com apelo esportivo reforçado entre as principais novidades
Divulgação

Audi A3 ficou passa a ter estilo mais arrojado e com apelo esportivo reforçado entre as principais novidades

A nova geração do Audi A3 chega ao Brasil em duas configurações de carroceria (Sedan e Sportback), nas versões S Line Limited (R$ 229.990) e Performance Black (R$ 264.990).

Segundo o time de desenvolvimento da fabricante, cerca de 90% dos componentes metálicos do novo Audi A3 são novos em relação à geração antecessora. Ou seja, de fato, trata-se de um carro completamente renovado, e os clientes já podem adquiri-los.

Já pudemos observar,  nas impressões ao dirigir, que o novo Audi A3 , de fato, traz mudanças de qualidade, modernidade e acerto mecânico. Além do fato de ter tantos componentes novos, agora ele é importado, ao contrário do anterior, que era nacional. Outra novidade é a sua suspensão traseira, que agora é independente (ao contrário do antecessor, que vinha com eixo de torção).

Leia Também:  Covid-19: Brasil tem 22,9 milhões de casos e 620,9 mil mortes

Gerold Pillekamp, de Gerenciamento de Produto da Audi no Brasil, concedeu ao iG Carros uma entrevista para contar mais a fundo as mudanças da nova geração. Além disso, destaca o que os projetistas tinham em mente na hora de focar os seus esforços para deixar o carro mais competitivo ante os rivais. Ouça a seguir!


Leia Também

Mais equipamentos

Interior chega com novos comandos, cluster, central multimídia, linhas de painel, saídas de ar, entre outros itens
Divulgação

Interior chega com novos comandos, cluster, central multimídia, linhas de painel, saídas de ar, entre outros itens

Além disso, o novo A3 vem com um tela sensível ao toque de 10,1 polegadas, de série. O cluster digital Audi Virtual Cockpit de 12,3 polegadas — também de série — complementa as informações para o motorista e permite três visualizações diferentes, incluindo gráficos com visual esportivo.

Leia Também

Opcionais da linha S-Line , como bancos esportivos, som Bang&Olufsen, capas de retrovisor e aerofólios de fibra de carbono, entre outros, podem ser equipados, a depender da versão escolhida. 

Novo Audi A3. Foto: Divulgação

Novo Audi A3. Foto: Divulgação

Novo Audi A3. Foto: Divulgação

Leia Também:  Primeira foto oficial do novo Kwid 2022 é revelada pela Renault

Novo Audi A3. Foto: Divulgação

Novo Audi A3. Foto: Divulgação

Novo Audi A3. Foto: Divulgação

Novo Audi A3. Foto: Divulgação

Novo Audi A3. Foto: Divulgação

Novo Audi A3. Foto: Divulgação

A versão de topo Performance Black chega com o motor 2.0 TFSI a gasolina, que entrega 190 cv e 32 kgfm. Por meio do câmbio S Tronic, de dupla embreagem, e sete marchas, acelera de 0 a 100 km/h em 7,4 segundos e chega aos 241 km/h (Sportback) e 248 km/h (Sedan).

Já a versão 1.4 S Line Limited  vem com o motor 1.4 turbo de 150 cv e 25 kgfm. Com sua transmissão automática tiptronic de oito marchas, acelera de 0 a 100 km/h em 8,8 segundos e chega aos 219 km/h ( A3 Sportback ) e 227 km/h ( A3 Sedan ).

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CARROS E MOTOS

Mustang Shelby GT350 1965 parado por décadas é achado em casa nos EUA

Publicados

em


source


Mustang Shelby GT350 1965: raridade encontrada em celeiro logo será restaurada e vendida por uma pequena fortuna nos EUA
Reprodução

Mustang Shelby GT350 1965: raridade encontrada em celeiro logo será restaurada e vendida por uma pequena fortuna nos EUA

Um carro antigo abandonado em um celeiro não é lá muita novidade nos EUA, ainda mais por se tratar do Ford Mustang, um dos pony-cars mais populares daquele país, porém se for um Shelby GT350 de 1965, considerado um dos mais raros do mercado, a ‘coisa muda de figura’.

Contabilizando só 562 unidades feitas, o Shelby GT350 de 1965 aponta surpreendentes 46.671 km e foi descoberto em um celeiro abandonado no final de 2021 e só tirado neste ano com a aparência até que condizente,levando em conta o tempo que ficou ‘hibernado’.

Pelas imagens, é possível ver que o Shelby parece estar em boas condições. A pintura descascou e há ferrugem na superfície da maioria dos painéis da carroceria, mas o carro está inteiro e parece estar completo.

Mustang Shelby GT350 1965 . Foto: Reprodução

Leia Também:  Land Rover lança Discovery Sport a diesel híbrido leve

Mustang Shelby GT350 1965 . Foto: Reprodução

Mustang Shelby GT350 1965 . Foto: Reprodução

Mustang Shelby GT350 1965 . Foto: Reprodução

Mustang Shelby GT350 1965 . Foto: Reprodução

Mustang Shelby GT350 1965 . Foto: Reprodução

Mustang Shelby GT350 1965 . Foto: Reprodução

Mustang Shelby GT350 1965 . Foto: Reprodução

O bom e velho motor V8 289 parece que “já falou mais alto’, mas em breve deve passar por uma completa revisão para reanimar os 306 cv, mas com uma equipe profissional e experiente, espera-se que logo esta lenda volte a brilhar pelas estradas norte-americanas.

Segundo o site norte-americano Autoevolution , “não há informações de como este GT350 acabou passando décadas nesta garagem. Da mesma forma, não há nada sobre quando e por que esta casa foi abandonada com um carro tão valioso dentro”.

Leia Também

Leia Também

Leia Também

Leia Também

Seja como for, trata-se de um modelo original conforme o canal “American Mustangs” do YouTube e seu novo dono levou cerca de dois meses para fechar um acordo para o GT350. Veja um vídeo do carro já em pleno funcionamento.

O Shelby GT 350

Ford Mustang Shelby: esportivo americano é um dos mais cobiçados dos EUA até os dias atuais
Divulgação

Ford Mustang Shelby: esportivo americano é um dos mais cobiçados dos EUA até os dias atuais

O GT350 de 1965 foi a primeira colaboração da Ford com Carroll Shelby . Essencialmente um Ford Mustang preparado para pista, o GT350 de 1965 veio com um 289 V8 reforçado bom para 306 cv de potência .

Leia Também:  Praias de nudismo são populares no Brasil; veja as 7 mais bombadas

Todos os carros foram acabados em Wimbledon White com listras Guardsman Blue e a maioria apresentava saídas de escape laterais. Shelby montou 562 carros, 37 dos quais eram carros de corrida GT350R completos.

Hoje um Ford Mustang Shelby GT 350 1965 está avaliado, em aproximadamente, US$ 300.000, ou cerca de R$ 1.660.290 . Já no caso de modelos de concurso, o valor pode ultrapassar os US$ 600.000 , ou a quantia de, incríveis R$ 3.320.580 .

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA