BRASIL

Avião parte ao meio depois de bater em vaca

Publicados

em


source

Um avião de pequeno porte bateu contra uma vaca enquanto decolava no município de Jordão, cerca de 45 quilômetros do Acre , e quebrou ao meio na última sexta-feira (17).

aviao
Arquivo pessoal

Avião caiu próximo ao Acre


Dois passageiros, além do piloto, estavam no avião , mas ninguém teve ferimentos graves. No site da Anac, consta que o certificado de aeronavegabilidade está suspenso e a aeronave não tem autorização para fazer o serviço de táxi aéreo.

Ao G1, um dos passageiros contou que o avião estava em velocidade já para decolar quando ao menos 15 vacas e bois surgiram na pista. Para evitar um acidente pior, o piloto tentou decolar de forma mais rápida, mas o trem de pouso bateu em um dos animais.

“A pista estava livre, mas aí do nada apareceram os animais. O piloto levantou a frente do avião justamente para a gente não bater em todos, talvez o acidente teria sido ainda maior. Batemos no chão três vezes, rodamos e no terceiro impacto o avião partiu ao meio e só parou quando encostou em uma árvore. Eu estava na parte de trás e quebrou bem nos meus pés. Foi tudo muito rápido”, contou o passageiro.


Depois da queda, a aeronave ficou cerca de 15 metros do local do impacto com a vaca, que foi arremessada a uma distância de cinco metros e morreu.

 “Foi um susto muito grande, não consigo nem explicar. Fiquei só com alguns arranhões na perna, mas tem o trauma psicológico que fica, com certeza. A vida passa em segundos pela nossa cabeça numa hora dessa”, disse.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

BRASIL

Homem que espancou a namorada em Ilhéus se entrega à polícia e vai para presídio

Publicados

em


source
Carlos Samuel foi preso nesta quarta(21)
Reprodução Twitter

Carlos Samuel foi preso nesta quarta(21)

Carlos Samuel Freitas Costa Filho , flagrado espancando a namorada com diversos socos em Ilhéus, na Bahia , em vídeo que ganhou repercussão na última semana, foi preso na tarde desta quarta (21).

A Polícia Civil da Bahia havia expedido mandado de prisão contra Carlos Samuel na última quinta (15). Desde então ele era considerado foragido pela Justiça, mas nesta quarta (21) o suspeito se apresentou na sede 7ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior, em Ilhéus, acompanhado de dois advogados.

Incluindo este último caso registrado, Carlos tem 11 queixas de violência doméstica registradas contra ele. Três inquéritos já haviam sidos finalizados e enviados a justiça, contudo, os outros sete não foram adiante por que as vítimas não quiseram dar seguimento as queixas.

Leia Também:  Especialista fala sobre como fica a sexualidade depois do câncer de mama

Na quinta feira da última semana (15), Carlos esteve na mesma delegacia em que foi detido para prestar depoimentos sobre o caso, mas não foi preso na ocasião por não haver flagrante. Algumas horas depois sua prisão foi decretada.

Em entrevista para à Folha de S.Paulo,  Caique Santana Mota , advogado do suspeito, disse que Carlos apenas revidou as agressões:

“Naquela noite, eles consumiram bastante bebida alcoólica. Houve uma crise de ciúme por parte dela, que o agrediu na presença de testemunhas. Claro que não justifica (os socos), não há como negar. Ele reconhece que se excedeu, que perdeu o controle”, afirmou.

Após exame de lesão corporal o agressor será encaminhado para um presídio.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

mato grosso

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA