GERAL | ESPORTES | MUNDO | PRIMAVERA DO LESTE - MT | ÚLTIMAS

ENQUETE

HOME / NOTÍCIAS - Geral

NOTÍCIAS Geral / MT

imprimirenvie seu comentário

15/07/2017 - 07:21:47 - Fonte: Da Redação Mato Grosso News / Assessoria

Equoterapia: Mato Grosso pode ser o primeiro Estado a oferecer tratamento pelo SUS



Arquivo / Reprodução / Ilustrativa

foto

A equoterapia vem se difundido no país devido aos excelentes resultados registrados. É um método terapêutico que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar nas áreas de saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiência ou necessidades específicas.

 

O método emprega o cavalo como agente promotor de ganhos físico e psíquico. Esta atividade exige a participação do corpo inteiro, contribuindo, assim, para o desenvolvimento da força muscular, relaxamento, conscientização do próprio corpo e aperfeiçoamento da coordenação motora e do equilíbrio.

 

A interação com o cavalo, incluindo os primeiros contatos, os cuidados preliminares, o ato de montar e o manuseio final desenvolvem, ainda, novas formas de socialização, autoconfiança e autoestima.

 

Em Mato Grosso, existem associações que trabalham a equoterapia nos municípios de Cuiabá, Várzea Grande, Juína, Pontes e Lacerda e também o Centro de Equoterapia Sela do Saber em Primavera do Leste.

 

Atualmente, o Congresso Nacional debate o Projeto de Lei 5499/2005, que inclui a equoterapia entre os serviços especializados oferecidos pelo SUS, e o Projeto de Lei 4761/2012, que regulamenta a prática da equoterapia.

 

Porem as redes públicas de saúde e de ensino de Mato Grosso poderão disponibilizar a equoterapia às pessoas com deficiência, já que a Assembleia Legislativa aprovou nesta semana, por unanimidade, o Projeto de Lei nº 591/2015, de autoria do deputado Zeca Viana (PDT-MT). Isso inclui a terapia no rol de tratamentos terapêuticos dos sistemas públicos de saúde e de ensino.

 

O método é empregado principalmente nas pessoas com síndrome de Down, autismo, malformações congênitas do sistema nervoso central, doença de Parkinson e paralisia cerebral, apresentando excelentes resultados.

 

“Nós temos em Mato Grosso vários voluntários dentro e fora das Apaes que estão prestando esse serviço para as pessoas que mais necessitam. Por isso precisamos reconhecer esse tratamento e disponibilizar para melhorar a vida dos deficientes do nosso estado”, completou Zeca.

 

Aprovado em segunda votação na Assembleia Legislativa, o projeto de lei ainda depende da sanção do governador para entrar em prática. Caso seja sancionada, a lei fará com que Mato Grosso seja o primeiro estado do Brasil a oferecer a equoterapia pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
 

Todos os direitos reservados Portal de Notícias Mato Grosso News - É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação sem a autorização expressa por escrito de Portal de Notícias Mato Grosso News. As notícias veiculadas nas colunas e artigos são de inteira responsabilidade dos autores.

COMENTÁRIOS:

Os comentários a esta notícia são de responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do Portal Mato Grosso News sobre as matérias em questão.





Deixe aqui seu comentário:

Seja cordial e educado. Comentários ofensivos e pouco digno serão excluidos.
*todos os campos são obrigatórios, seu e-mail não será divulgado no site e nem a terceiros.
       
nome: e-mail:
comentário:
   

Voltar | Topo | Home

Mato Grosso News - A notícia Livre, Independente e Imparcial.

NOTÍCIAS: GERAL | ESPORTES | SAÚDE | MUNDO | ÚLTIMAS

O Portal | Expediente | Anúncie | Fale Conosco